Curiosidades

4 alimentos comuns que são rodeados de segredos e mentiras

0

Já parou para pensar em como a alimentação, ao longo da história, evoluiu? De alguns anos para cá, fomos apresentados a inúmeros pratos diferentes, inúmeras iguarias. Seja pela internet, ou por produções audiovisuais, hoje, sabemos que a gama de alimentos que existem no mundo é extremamente variada.

Por outro lado, mesmo tendo acesso a todo tipo informação, seguimos sem saber algumas coisas, sobre os alimentos que consumimos. Conheça, portanto, 4 alimentos comuns que seguem rodeados de segredos e mitos, mesmo sendo tão populares.

1 – Cereais têm o mesmo sabor, independente da cor

1 58 600x375, Fatos Desconhecidos

Sabe aqueles cereais, que os americanos adoram nos lanches e os brasileiros adotaram, de modo similar, como café da manhã? Sim, exatamente, aqueles que são coloridos e cobertos de açúcar. Pois é, independente da cor, e da marca, todos possuem o mesmo sabor. Ou seja, a cor, na verdade, não agrega nada, nadinha mesmo.

Por causa de tal constatação, muita gente começou a dizer que as balas Skittles e os ursinhos feitos de goma se enquadravam no mesmo patamar dos cereais. Mas não é bem assim. Lembre-se: o cenário muda quando o produto é outro. As balas Skittles e os ursinhos feitos de goma, por possuírem cores diferentes, oferecem uma experiência sensorial no paladar, bem diferente dos cereais.

2 – Os queijos, que não têm a cor que se acredita que deveriam ter, são ruins

2 45 600x315, Fatos Desconhecidos

O queijo é um alimento importante para muita gente. Faz parte do cardápio de muitas famílias. Mas, afinal, por que possuem cores distintas se todos são feitos de leite, algo que, basicamente, sabemos que é branco? Ninguém levanta tal questionamento, não é verdade? Até porque, o que queremos mesmo, é nos entupir dessa preciosidade.

Primeiro, cada parte do mundo produz um tipo de queijo diferente. Por isso, temos cores, estilos e sabores distintos. Na Grã-Bretanha, por exemplo, o queijo, ao que parece, possui um laranja amarelado. Sabe por quê? Por causa do betacaroteno, presente na grama, que é consumida pelas vacas. Esse pigmento, então, é transferido para o leite, que é transferido para o queijo. Assim, ali, quanto mais vibrante a cor, melhor a qualidade do queijo.

Com o passar do tempo, os produtores na Grã-Bretanha começaram a remover parte da gordura do leite, para produzir manteiga. Retirando parte de tal gordura, os queijos, que começaram a ser produzidos, não possuíam tanto betacaroteno. Assim, dessa maneira, começou a se produzir queijos mais brancos e, obviamente, com menos teor de gordura.

E o isso interfere na nossa produção? Essa tradição chegou em toda a América, onde acabou ficando de vez. Mas, de todas as formas, lembre-se: produção e ingredientes podem alterar a cor dos produtos.

3 – Abelhas

3 36 600x400, Fatos Desconhecidos

As abelhas desempenham um papel fundamental no meio ambiente. Basicamente, elas o mantém equilibrado. Agora, muitos dizem que as abelhas estão ameaçadas de extinção. Porém, de acordo com algumas publicações, elas são, de longe, as menos ameaçadas do grupo dos animais, que estão desaparecendo da Terra. Dizem que se preocupar com as abelhas, é como se preocupar com um declínio das vacas. Afinal, ambas são um ‘produto agrícola cuidadosamente gerenciado’.

Além disso, as abelhas também não são nativas da América do Norte, como muitos pensam. Vieram da Europa e existe toda uma indústria que possui recursos e incentivos necessários para gerenciá-las. Agora, há, em todo este cenário, um problema. Elas são os animais que realizam a maior parte da polinização, mas estão falhando nesse processo por um detalhe: os pesticidas. Ou seja, nosso foco deveria ser outro. Deveríamos pensar mais na quantidade de pesticidas, que estão sendo usado, do que na extinção desses animais.

Portanto, se você está realmente preocupado com as abelhas, plante flores silvestres e não use pesticidas.

4 – Castanhas de caju, suco de caju, tudo de caju

4 19 600x400, Fatos Desconhecidos

As castanhas de caju podem ser consumidas, da mesma maneira que as sementes da maçã. Contudo, você não os encontra nas mercearias com facilidade, como encontra as castanhas de caju. Sabe por quê? Porque elas perdem a validade facilmente. E por que as castanhas de caju não perdem? Porque são jogadas em caril e fermentadas em fenil, um potente álcool.

E o suco de caju? O que precisamos saber do suco de caju? O suco de caju, que possui um teor amargo, é completamente nutritivo e passou a ser utilizado na produção de inúmeras bebidas. Em 2014, por exemplo, a Pepsi começou a adicioná-lo a produtos que são vendidos especificamente na Índia. Tais produtos passaram a substituir sucos de abacaxi e banana, que eram mais caros. Na Tailândia, o suco de caju é vendido como um aprimorador do desempenho sexual. Você pensaria que eles se concentrariam nas nozes, porque os trocadilhos estão ali mas, talvez, isso não se traduza.

Até aí, tudo uma maravilha, não? Sim, mas o problema, na verdade, encontra-se no processo da colheita do caju. Inúmeros trabalhadores sofreram danos permanentes nas mãos, devido à constante exposição aos ácidos, que são os químicos naturais presentes na castanha do caju.

E aí, sabia de tudo isso? Sabia sobre essas informações que tais alimentos escondem?

7 maiores polêmicas do reinado de Elizabeth II

Matéria anterior

7 códigos indecifráveis que permanecem enigmáticos

Próxima matéria

Você também pode gostar

Mais em Curiosidades

Comentários

Comentários não são permitidos