• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 coisas que você não acreditaria se não fossem comprovadas pela ciência

POR Mateus Graff    EM Ciência e Tecnologia      03/09/18 às 18h46

A comprovação científica é basicamente todos os processos e métodos que são realizados para averiguar a verdade de um fato e formar a certeza de que um determinado acontecimento ou fenômeno de qualquer natureza. A melhor maneira de acreditar em algo é quando temos a comprovação da ciência, certo? Bom, nós trouxemos para vocês hoje algumas coisas que foram comprovadas pela ciência.

Por exemplo, você sabia que passar mel em feridas pode ajudar a curar? Ou que esse papo de que o pão sempre cai com o lado da manteiga para baixo é pura mentira? A gente trouxe algumas dessas coisas e as suas explicações científicas. Então, confiram agora a nossa matéria com as 7 coisas que você não acreditaria se não fossem comprovadas pela ciência:

1 - Passar mel em feridas

O mel é um alimento que tem um valor medicinal na cura das feridas. Pelo fato do mel não ter prazo de validade (um dos únicos alimentos que não "perde") e ser muito rico em nutrientes, ele cria um ambiente terapêutico favorável para curar feridas.

O mel está sendo pesquisado para outros usos, principalmente pelo fato de muitos patógenos se tornarem resistentes a antibióticos devido ao uso incessante. O mel seca e mata as bactérias da mesma forma que o sal. Você sabia disso?

2 - Vitamina C e resfriados

Estudos revelaram que a vitamina C pode ajudar a combater os resfriados contanto que você consuma antes de ficar doente. Experimentos feitos mostraram que a vitamina C reduz a duração dos resfriados dado o efeito consistente. O baixo custo da vitamina C faz com que essa seja uma ótima maneira de prevenir resfriados.

3 - O ronronar dos gatos acelera a cura de ossos quebrados

Vocês já ouviram falar dos benefícios do ronronar dos gatos? Acreditem vocês ou não, o ronronar desse bicho acelera a cura de ossos quebrados. Um estudo recente descobriu também que o ronronar dos gatos dos gatos talvez possa ajudar a aliviar a displasia ou as condições osteoporóticas. Vários estudiosos afirmam que as frequências desse som podem melhorar também a densidade óssea e promover a cicatrização.

4 - Pessoas inteligentes

Pessoas menos inteligentes e mal informadas tendem a superestimar o quando são espertas. Já as pessoas mais inteligentes tendem a subestimar sua inteligência e questionar mais suas próprias ideias. Sendo assim, se você está confiante de que é muito inteligente e tem a resposta para certas coisas, talvez as coisas não sejam como você está imaginando.

5 - Anorexia de altitude

Você acha que uma pessoa pode ficar totalmente sem apetite só porque está em um lugar muito alto? A anorexia de altitude é a perda de apetite de uma pessoa quando está em alta altitude, o que resulta também na perda de gordura. Um estudo mostrou que as pessoas que vivem mais perto do nível do mar têm entre 4 a 5 vezes mais chances de serem obesas do que pessoas que vivem acima no nível do mar. Loucura, não!?

6 - Xingar pode aliviar a dor

Um estudo descobriu que as pessoas que xingam depois de sentir dor, sentem menos dor do que as pessoas que proferem palavras neutras. Como o xingamento pode alcançar os efeitos físicos? A ciência ainda não sabe, mas os pesquisadores especulam que os circuitos cerebrais ligados à emoção podem estar envolvidos. Mas e você, acha que realmente xingar pode ajudar a aliviar a dor?

7 - O lado do pão com a manteiga para baixo

Por que diabos o lado da manteiga sempre cai para baixo? Um grupo fez testes com cem fatias de torradas com manteiga. Todas as torradas foram derrubadas de uma mesa de 76 centímetros de altura, uma distância similar à encontrada em casas de todo o mundo.

Em 81% das simulações, a manteiga estava para o lado de baixo. Porém, essa falta de sorte está ligada a alguns fatores. Quando passamos manteiga de um lado da torrada faz com que a textura da superfície do pão seja alterada. Isso faz com que aquele lado tenha menos atrito com o ar, mudando a rotação da comida ao cair da mesa.

Mas caso a mesa estivesse a 2,4 metros de distância do chão, o pão giraria em 360 graus e cairia com a parte da manteiga para cima. O fato é que o peso adicional não tem efeito na queda.

E você, sabia que todas essas coisas foram comprovadas pela ciência? Comente!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+