• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 fatos sobre hackear sua mente que vão te surpreender

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      24/08/18 às 16h10

Basta uma busca rápida e você vai achar vários sites falando como "hackear" seu cérebro. Pequenos truques que prometem que você conseguirá liberar áreas do seu cérebro não usadas. Mas não vá achando que de uma hora para outra você ficará igual a personagem de Scarlett Johansson em Lucy.

Esses truques mostrados, geralmente são muito simplórios, e deixam passar vários detalhes importantes. Existem maneiras de você se tornar mais inteligente, melhorar sua memória ou até mesmo virar uma calculadora humana, mas como qualquer outra habilidade isso leva tempo. Nessa lista veremos algumas maneiras de hackear nosso cérebro.

1 - Gênios

Um dos maiores mitos é que usamos somente 10% do nosso cérebro e que se desbloqueássemos os outros 90% nos tornaríamos seres com poderes. Mas a verdade é que o cérebro está praticamente todo em uso mantendo todas as funções do corpo funcionando, na maioria das vezes não percebemos.

No caso dos gênios, muitas pessoas acreditam que é somente destravar alguma coisa lá dentro e pronto, sua cabeça estará aberta à genialidade. Não é bem assim. Nosso cérebro tem uma coisa chamada neuroplasticidade, que significa que ele pode aumentar a quantidade de neurônios e conexões te tornando mais experiente e inteligente. Para que esse efeito seja duradouro é necessário uma repetição de padrões. Os truques para memória mostrados em vários sites funcionam, mas para ter um resultado a longo prazo é preciso continuar fazendo esses exercícios continuadamente.

2 - Sumiço

Dizem que andar de bicicleta não se esquece, mas se você passar vários e vários anos sem andar em uma, quando montá-la, terá um pouco de dificuldade de voltar a ser tão bom quanto era antes. Da mesma forma funcionam os hacks cerebrais. Você pode tê-los aprendido muito bem mas quando tentar lembrar-se deles, você vai ter perdido muito da sua habilidade anterior. A maioria de nós atualmente quer as coisas o mais rápido possível, mas os hacks para melhorar o pensamento são frutos de trabalho duro e dedicação constante.

3 - Novas línguas

Quem pensa que a linguagem não nos afeta em nada, está muito enganado. Aprender novos idiomas fortalece os caminhos neurais e dá ao cérebro uma capacidade de ver o mundo em perspectivas que sua língua materna não deu.

Saber uma nova língua, além de te deixar mais inteligente, previne a demência cerebral. O aprendizado te coloca em contato com outros padrões que forçam o cérebro a criar novas conexões e nos faz pensar de uma maneira completamente diferente.

4 - Matemática

Uma outra forma de hackear o cérebro é aprender truques mágicos de matemática. Se você acha legal impressionar seus amigos através das contas, ou mesmo quer ser uma calculadora humana, o segredo é ter uma base matemática forte.

As pessoas que fazem contas de cabeça mais rápido que você consegue digitar os números na calculadora, ou então aquelas pessoas que conseguem contar cartas do baralho para sempre ganharem em jogos de azar, enfim, todas elas aperfeiçoaram sua compreensão de diferentes tabelas de tempos e memorizaram raízes quadradas importantes e outras funções básicas. Isso nada mais é do que aplicar aquilo que você aprendeu na escola de uma maneira inteligente.

5 - Sono

Um dos hacks mais encontrados na internet é como ter uma boa noite de sono em apenas alguns minutos. Eles tentam fazer com que a pessoa chegue ao sono REM, que é a fase do sono em que temos os sonhos e quando acordamos nos sentimos mais dispostos e prontos para as atividades normais, mas geralmente são métodos impraticáveis.

Deixando a praticidade à parte, pode ser que você consiga o sono REM mas estará perdendo vários outros processos importantes do sono. Para que seu cérebro se desenvolva e seu corpo funcione normalmente nada substituirá uma boa noite de sono. Então é melhor se desdobrar para consegui-la ao invés de tentar burlá-la.

6 - QI

Quocientes de inteligência são um assunto controverso na comunidade científica e psicólogica, e não têm nenhum teste oficial no mundo. Um teste em escala mundial seria impossível porque a linguagem muda a maneira de pensamento das pessoas e as experiências de vida.

Alguns defendem o teste padrão, mas a maior questão é como se definir inteligência. Como vimos em alguns itens dessa lista, o simples fato de aprender coisas novas o faz mais inteligente. Mas se isso for colocado em um teste pode não espelhar as habilidades das pessoas. E muitos acreditam que o QI não é algo fixo mas uma variável.

7 - Habilidades

As pessoas adoram procurar truques de como ficar mais inteligentes e se transformar em um computador ambulante. Mas mesmo os truques de memória mais simples não são algo fácil que se pode tornar especialista do dia para a noite.

Se você está realmente querendo um resultado final satisfatório e gostou de um método que encontrou se atenha a ele e pratique. Somente com a prática é que nosso cérebro cria novas condições e habilidades.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+