• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 guerras mais bizarras que a humanidade já inventou

POR Gustavo Camargo    EM Copa do Mundo      05/04/18 às 15h14

É incrível a habilidade do ser humano de criar conflitos. Talvez ego ou orgulho levem as pessoas a discutir e até mesmo a casos mais extremos a se agredir? Bom, o fato é que desde os primórdios da humanidade os guerras e conflitos entre povos e nações existem com os mais distintos objetivos e razões.

E até mesmo hoje em dia as pessoas parecem não ter aprendido com erros do passado e ainda fazem questão de "brigar" por coisas banais como religião ou até mesmo política. E foi pensando exatamente em como não começar um conflito, nós da Fatos Desconhecidos separamos as 7 guerras mais bizarras que a humanidade já inventou.  Confira:

1 - Guerra do porco

Em 1859, os Estados Unidos e a Grã-Bretanha brigavam por limites, em particular as ilhas de San Juan. Lyman Cutlar, um fazendeiro americano que teria se mudado para a ilha reivindicando os direitos de viver lá sob o Ato de Reivindicação de Terra de Doação. Um dia ele encontrou um grande porco preto em seu jardim e acabou o matando. Isso levou autoridades britânicas a ameaçar prender Cutlar, e os colonos americanos exigiram proteção militar, criando a Guerra do Porco.

2 - A guerra do futebol

Guerra do Futebol ou Guerra das cem horas foi um conflito armado entre El Salvador e Honduras que durou quatro dias inteiros. Os dois países que já mostravam uma péssima relação política, e tiveram essa hostilidade aumentada em 1969, após uma série de três partidas de futebol entre as seleções das duas nações disputaram uma vaga na Copa do Mundo de 1970. Durante as partidas (em especial a segunda, realizada em San Salvador), jogadores, torcedores e imigrantes nos dois países foram expulsos, perseguidos e assassinados, levando os dois países a romperem relações diplomáticas no fim do mesmo mês.

3 - Grande Guerra Guano

A Grande Guerra Guano foi entre Peru, Bolívia e Chile entre 1879 e 1883. Guano em espanhol significa excrementos de pássaros. Graças ao seu alto nível de fósforo e nitrogênio, o guaro é um ingrediente bastante eficaz na fabricação de fertilizantes e pólvora. Ao longo dos anos houve várias disputas. Isso levou a um acordo secreto entre o Peru e a Bolívia. O Chile, tentando proteger o interesse de suas empresas de mineração, assumiu o controle da região de mineração, levando Peru e Bolívia a declarar guerra.

4 - A Guerra da pastelaria

A França entrou em guerra com o México em 1838. A Pastry War, como é popularmente conhecida, começou quando um cozinheiro de pastelaria francesa alegou que durante uma perturbação civil de 1828, sua padaria foi vandalizada por algumas autoridades do exército mexicano. O chef exigiu o pagamento das perdas da autoridade mexicana, mas não recebeu nenhuma. Finalmente, dez anos depois, o chef implorou ao rei Luís Filipe da França que viesse em socorro do seu cidadão.

5 - Guerra de 301 anos por raspar uma barba

Rei Luís VII da França casou-se com Eleanor, a Duquesa da Aquitânia, em 1137. Um tempo depois, ele foi para as Cruzadas e quando retornou, ele estava sem sua grande barba. Eleanor não gostou muito e exigiu que ele voltasse novamente com seu bigode. Louis furiosamente recusou e o amargo ressentimento que se seguiu resultou em divórcio. Eleanor foi para a Inglaterra, onde se casou com o rei Henrique II. Depois do casamento, ela exigiu o retorno de sua terra de dote. Mais uma vez, Luís recusou, o que resultou no rei Henrique declarando guerra à França, que durou mais de 300 anos.

6 - As guerras do bacalhau

Guerra do Bacalhau é o nome dado ao confronto entre Islândia e a Grã-Bretanha sobre questões dos direitos de pesca. Tudo teve início em 1958, quando a Islândia assumiu a responsabilidade de aumentar seus limites de pesca. A Islândia exigia direitos de pesca exclusivos, já que era sua única forma de renda. Os dois países entraram em um acordo em que a Islândia teria certas zonas de pesca únicas. Tal acordo foi válido por dois anos e expirou em 1975, logo após o qual a Terceira Guerra do Bacalhau começou. A Islândia aumentou ainda mais as suas fronteiras de pesca de 50 a 200 milhas e proibiu globalmente os arrastões britânicos nas suas águas. Os britânicos desdobraram mais de 20 fragatas para proteger o interesse do pescador.

7 - Guerra do Mel

Guerras

A Guerra do Mel foi uma disputa entre Lowa e Missouri em 1830. Existia uma faixa de 9,5 milhas de comprimento que atravessava a fronteira da disputa causada devido à formulação pouco clara na Constituição do Missouri sobre as fronteiras. Os governadores de ambos os estados ordenaram que suas respectivas milícias patrulhavam seu lado da fronteira, depois que um xerife foi encarcerado tentando cobrar impostos na zona disputada. Houve outro incidente em que três árvores contendo mel valioso foram cortadas, daí o nome de Guerra do Mel.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

Próxima Matéria
Via   Toptenz     Thethings  
Gustavo Camargo
A verdade é que eu queria ser astronauta, mas na minha cidade ainda não tem a escolinha. Instagram: gustavoloopi
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+