• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 terríveis tragédias que tentaram manter em segredo

POR Gustavo Camargo    EM História      05/04/18 às 15h04

Não é novidade para ninguém que o ser humano desde a sua criação sempre tem tomando terríveis decisões. E encobrir a verdade tem sido uma alternativa desde que Caim matou Abel e depois tentou enganar Deus, escondendo detalhes sobre o assunto.

Mas para nosso felicidade a verdade sempre vem à tona. E crimes acabam sendo descobertos e o mundo passa a conhecer todos as cabeças por trás deles e do que realmente são capazes. E foi pensando exatamente nisso que nós da Fatos Desconhecidos trouxemos 7 terríveis tragédias que tentaram manter em segredo. Confira:

1 - Coletes a prova de balas com defeito

terríveis

Para o novato Tony Zeppetella, usar um colete à prova de balas deve ter lhe dado um sentimento de segurança. Entretanto o equipamento não conseguiu fazer seu trabalho quando uma bala penetrou em sua cavidade torácica. O que não foi nenhuma surpresa para os fabricantes do colete. Cinco anos antes desse incidente, eles já sabiam que o material do colete, Zylon, tinha a tendência a se desgastar. Mas não fizeram nada para trocar o produto. Não era pequeno o número de pessoas que usavam esse colete, polícia, militares e até mesmo o presidente George W. Bush tinha um.

Mas o presidente da Second Chance, Richard Davis, emitiu uma nova concluindo que eles poderiam continuar operando normalmente como se nada tivesse acontecido até que um dos clientes seja morto ou ferido.

2 - Explosão Mutsu

Enquanto a fama da Segunda Guerra Mundial se virara contra a Marinha Imperial Japonesa, outro evento foi adicionado aos seus problemas. A explosão do encouraçado Mutsu em 1943. Ele estava ancorado no Hashirajima, o navio explodiu e matou mais de mil tripulantes. Posteriormente, segundo investigações a explosão teria acontecido graças a um membro da tripulação que estaria empenhado em roubas coisas do navio. Para evitar rumores chegarem ao público, os que sobreviveram foram levados para várias guarnições da ilha.

3 - A controvérsia de Umm Hajul

Esse foi um caso de fogo amigo que aconteceu durante a Primeira Guerra do Golfo que envolveu soldados americanos que confundiram uma das suas próprias unidades com o inimigo. Se tratava de uma unidade encalhada de engenheiros americanos cujo o veículo tinha quebrado perto do campo de pouso de Umm Hajul em 1991. Eles estavam esperando por ajuda quando viram soldados do 3º Regimento de Cavalaria Blindada aproximando-se da sua localização quando foram confundidos. Relatórios enganosos, incluindo a alegação de que um número de soldados inimigos foram capturados, foram usados para encobrir o incidente.

4 - Assassinatos Prisionais Serkadji

Esse incidente acontecem em fevereiro de 1995 em Argel, Argélia. Tudo começou depois que tinham sido entregues armas e granadas a alguns presos. Eles mataram quatro guardas prisionais, abriram as celas dos detentos e estabeleceram negociações com as autoridades. Cerca de 96 outros presos foram mortos na violência e vários outros ficaram feridos. Em seguida vários grupos e organizações de direitos humanos condenaram o incidente como um massacre premeditado, citando relatos de testemunhas de que as forças de segurança continuaram presas matando mesmo depois de se terem rendido. Não apenas isso, as autoridades tinham apressadamente enterrados os cadáveres, sem nem mesmo dar chances as famílias de se despedir dos falecidos.

5 - Rotação Mortal do Tabaco

Grandes empresas do ramo do tabaco gastaram milhões de dólares para esconder o perigo que o seu produto tinha. Em 1940 as empresas já tinham ligação entre o tabaco e várias doenças respiratórias. Mas não se deram ao luxo de divulgar essa informação.

6 - Escândalo da Divisão de Rampart do LAPD

O escândalo Rampart aconteceu na década de 1990, quando uma unidade de anti-guerra da Divisão de Rampart da Polícia de Los Angeles, os recursos da Comunidade Contra Rua Hoodlums, foram acusados de se envolver em casos de má conduta policial nos Estados Unidos. Para lidar com gangues, os membros usaram táticas de mão pesada, para torturar membros dessas gangues e criminosos.

7 - Melamina Chinesa de 2008

O produto em questão era a fórmula infantil e o contaminante foi a melamina, um produto cancerígeno que supostamente é usado em produtos de limpeza, entre outras coisas. A empresa de laticínios chinesa por trás da fórmula do leite contaminado fez de tudo para abafar a notícia do escândalo. Chegou até a pagar a motores de busca local para pedir a ajuda do governo local "para evitar chicotear a questão e criar uma influência negativa sobre a sociedade."

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

Próxima Matéria
Via   Listverse  
Gustavo Camargo
A verdade é que eu queria ser astronauta, mas na minha cidade ainda não tem a escolinha. Instagram: gustavoloopi
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+