Natureza

7 países mais propensos a desastres naturais

0
Survivors stand among debris and ruins of houses destroyed after Super Typhoon Haiyan battered Tacloban city in central Philippines November 10, 2013. Haiyan, one of the most powerful storms ever recorded killed at least 10,000 people in the central Philippines province of Leyte, a senior police official said on Sunday, with coastal towns and the regional capital devastated by huge waves. Super typhoon Haiyan destroyed about 70 to 80 percent of the area in its path as it tore through the province on Friday, said chief superintendent Elmer Soria, a regional police director. REUTERS/Erik De Castro (PHILIPPINES - Tags: DISASTER ENVIRONMENT TPX IMAGES OF THE DAY)

À medida que as ações do homem têm causado diversas mudanças climáticas, os riscos de desastres naturais consequentemente têm aumentado. O que coloca ainda mais em risco as populações de países que já são vulneráveis a estes tipos de eventos. O Relatório Mundial de Risco, desenvolvido pela Universidade das Nações Unidas para o Meio Ambiente e a Segurança Humana, classifica os países por sua iminente vulnerabilidade aos desastres.

Os países que aparecem nesta lista foram todos elencados no relatório produzido por eles em 2015. Este relatório, além de apresentar a probabilidade natural de um desastre, também serve para influenciar na capacidade e preparação destes países para lidar com tais acontecimentos. Abaixo você confere alguns países que foram classificados como mais propensos a enfrentar desastres naturais.

1 – Tonga

Terremotos em alto-mar muitas vezes são mais perigosos do que os que afetam os meios urbanos. Um terremoto perto do Arquipélago de Samoa provocou um tsunami terrível que atingiu a costa de Tonga, na Oceania. Entretanto os dois tipos de evento já se mostraram altamente destrutivos para o país. Tonga também já foi afetado diversas vezes por ciclones devido ao El Niño.

2 – Filipinas

As Filipinas acabam muitas vezes “protegendo” o Sudeste Asiático contra as tempestades mais fortes que se dirigem à região. Em 2013, o tufão Yolanda atingiu as ilhas. Cerca de 6 mil pessoas morreram no que é considerado o maior desastre natural do país. Os danos do tufão, que afetou mais de 16 milhões de pessoas foram estimados em cerca de 2 bilhões de dólares.

3 – Guatemala

Desastres naturais não são incomuns na Guatemala, país localizado na América Central. Um terremoto, em 1976, matou cerca de 23 mil pessoas e deixou danos lastimáveis à economia do país. Em 2015, um deslizamento de terra matou outras 200 pessoas depois de uma das piores enchentes já enfrentadas na América Central.

Para piorar a situação da Guatemala, os fundos de programas sociais para minimizar a pobreza, constantemente, são desviados para socorrer as vítimas das catástrofes, o que acaba prolongando os demais problemas.

4 – Costa Rica

Basicamente, todos os dias na Costa Rica acontece um terremoto. No entanto, na grande maioria das vezes, eles são tão pequenos que nem são percebidos. Em 2009, em um dos eventos sismológicos mais letais da história do país, 34 pessoas morreram e deixou milhares de desabrigados. A Costa Rica é um país vulcanicamente ativo, com cerca de 130 picos espalhados pelo país. Alguns deles são destinados a spas de águas termais.

5 – Papua Nova Guiné

Terremotos e tsunamis representam uma grande ameaça a este país localizado na Oceania. A degradação de suas florestas tropicais devido ao desmatamento generalizado e conjunto da exploração madeireira reduziram a capacidade do país de prevenir deslizamentos e inundações. Diversos vulcões estão ativos no país, com ocorrências de erupções em 2010 e 2014.

6 – El Salvador

El Salvador é outro país constantemente ameaçado por desastres naturais. Devido a sua localização, erupções vulcânicas e terremotos acontecem frequentemente. Em 2010, El Salvador ficou em 1º lugar no relatório de Avaliação e Coordenação de Desastres da ONU, que classificou 95% de sua população como estando em risco de desastres naturais.

7 – Nicarágua

A Nicarágua é outro país da América Central vulnerável aos desastres naturais. Em 2007, o furacão Feliz ocasionou 50 dias de chuvas, e devido ao desmatamento, a ocorrência de deslizamentos de terra e erosões foram inevitáveis. Para piorar ainda mais, o país é repleto de vulcões espalhados por seu território.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Conheça o mangá criado por Stan Lee em que ele é o vilão

Matéria anterior

7 crimes que poderiam facilmente se tornar filmes

Próxima matéria

Mais em Natureza

Você pode gostar