• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 países que estão enfrentando crises e você não sabia

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      08/03/19 às 17h44

Diversas mudanças já aconteceram em nosso mundo. Países se separaram, uniões foram formadas e uma dúvida bem comum pode ter restado na mente das pessoas: quantos países existem no mundo? E, apesar desta pergunta parecer simples de ser respondida, a verdade é que a resposta depende muito do que é considerado um país.

Por exemplo, de acordo com a Organização das Nações Unidas, a ONU, existem cerca de 195 Estados soberanos no mundo. Cientistas políticos usam as palavras país e nação para descrever esses lugares que possuem suas próprias fronteiras e governos completamente independentes. Desses países contabilizados pela ONU, 193 são membro de fato da organização. E vários países passam por crises que podem alterar a economia de uma nação. Coisas que podem parecer simples, como baixa taxa de natalidade ou falta de abutres, podem causar danos mais terríveis que parecem. E aqui listamos alguns exemplos.

1 - Crise de nascimento da Coreia do Sul

A Coreia do Sul passa por uma crise de nascimentos tão grande que o governo está pagando casais para ter filhos. Em 2018, a taxa de natalidade do país bateu o recorde de baixa e nesse ritmo, a população deve crescer no negativo em apenas 10 anos. Isso quer dizer que acontecerão mais mortes do que nascimento. E se isso continuar a estimativa é que até 2750 não exista mais ninguém no país. E em apenas 13 anos, o governo sul coreano gastou mais de 121 bilhões de dólares para incentivar os pais a terem filhos.

2 - Crise de vaca na Índia

O estado indiano de Uttar Pradesh passa, atualmente, por uma crise de vaca abandonada. Na Índia, as vacas não são comidas porque são consideradas sagradas. E foi exatamente isso que fez com que os agricultores não mantivessem os bezerros e vacas machos que não produzem leite. Então eles abandonam os animais improdutivos nas ruas. Em 2012, já existiam mais de 1 milhão de animais perdidos.

3 - Crise de passaporte na Venezuela

Essa nação latino americana sofreu uma hiperinflação que praticamente paralisou a sua economia. Desde 2014, mais de 2,3 milhões de pessoas fugiram do país, mas muitas outras pessoas ainda estão presas no país porque não têm passaporte. Essa crise é tão grave que outros países latino americanos estão deixando os venezuelanos entrar com passaportes vencidos, mas os que não o possuem, ficam no país.

4 - Crise alimentar na China

O país vive em uma crise alimentar há alguns anos, além da piora com a guerra comercial com os EUA. O governo chinês tarifou a importação de vários alimentos bastante necessários como soja, sorgo e milho. E a produção de alimentos na China sempre foi um problema e suas terras aráveis são menos de um décimo das terras agrícolas do mundo e tem um quinto da população mundial. A crise alimentar começou há décadas, quando o padrão de vida dos cidadãos foi melhorando e os chineses passaram a ter dietas ricas em proteínas.

5 - Crise de plásticos recicláveis nos EUA

O governo dos EUA não pode reciclar a maioria de seus plásticos recicláveis. Há alguns anos, uma grande quantidade de itens recicláveis dos EUA foram para a China. Mas em 2018, isso mudou quando a China proibiu plásticos recicláveis dos EUA. E com esse banimento, o país está em crise com seus plásticos recicláveis.

6 - Crise dos abutres na Índia

No passado, a Índia tinha muitos abutres, a população era tão alta que a estimativa era de 40 milhões no começo dos anos 1990. Mas entre 1992 e 2007, esse cenário mudou e a população de abutres caiu 99.9%. Atualmente, a Índia tem apenas 20 mil abutres. E como há poucos abutres, as carcaças de animais ficam espalhadas pela Índia, o que deixa o país à beira de uma epidemia de doenças.

7 - Crise suicida na Coreia do Sul

O país tem a maior taxa de suicídio do mundo, 13.500 sul coreanos se suicidaram em 2015. Isso dá uma média de 37 por dia. A maioria são idosos que, muitas vezes, vivem na pobreza e não querem se tornar um fardo para os parentes. E em resposta às altas taxas de suicídio, o governo criminalizou os pactos de suicídio acordados entre duas ou mais pessoas.

Próxima Matéria
Via   Listverse  
Imagens Listverse
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+