Curiosidades

7 piores alimentos para a saúde

0

Todos sabemos que uma boa alimentação pode influenciar sim na nossa saúde e na disposição que temos para enfrentar o dia a dia. O segredo não está em apenas comer frutas e legumes. Mas sim fazer uma dieta equilibrada com todos os alimentos em quantidades certas. Isso porque o nosso corpo precisa de um pouco de cada alimento para que tenhamos uma vida saudável.

Mas é claro que nem sempre conseguimos seguir essa dieta saudável e acabamos comendo algumas, ou muitas, besteiras. E dentre todas as opções que temos, algumas podem ser bem gostosas mas não fazer bem para a nossa saúde. Mostramos aqui alguns dos piores alimentos para a saúde.

1 – Refrigerante diet

Mesmo sendo diet, esse tipo de refrigerante tem a maior parte dos problemas do refrigerante normal. No entanto, o diet tem ainda mais um tipo de aspartame que está ligado com ataques de ansiedade, compulsão alimentar e defeitos de nascimento.

Além de cegueira, tumores cerebrais, dor no peito, depressão, tontura, epilepsia, fadiga, dores de cabeça, perda de audição, palpitações cardíacas, hiperatividade, insônia, dor nas articulações, dificuldades de aprendizagem, tensão pré-menstrual, cãibras musculares, problemas reprodutivos, e até à morte.

Os efeitos causados pelo refrigerante diet podem chegar até ser confundidos com várias doenças, como por exemplo o Alzheimer.

2 – Donuts e Churros

A maior parte desses dois doces tem entre 35 e 40% de gorduras trans, que é o pior tipo de gordura  que alguém pode comer. Isso porque elas estão ligadas a doenças cardíacas e cerebrais, e também ao câncer.

Além disso, tanto donuts como churros tem açúcar e condicionadores e conservantes artificiais. E um donut médio, tem aproximadamente 300 calorias.

3 – Cachorro-quente

Esse alimento faz mal para nossa saúde porque consumir salsicha e outras carnes processadas aumenta o risco de câncer de pâncreas em 67%.

E um dos ingredientes presente tanto no bacon como nas salsichas é o nitrito de sódio. Ele está associado à leucemia em criança e tumores cerebrais nos bebês, e também ao câncer colorretal.

4 – Bacon

Esse é um queridinho de praticamente todo mundo. No entanto, consumir  carnes processadas como o bacon todos os dias pode aumentar o risco de doenças cardíacas em 42%, e em 19% o risco de diabetes.

Comer bacon 14 vezes por mês está relacionado com o aumento do risco de doenças pulmonares.

5 – Batata frita

As batatas fritas têm muito mais do que somente a gordura trans. Elas tem uma das substâncias cancerígenas mais potentes que se pode ter nas comidas, a acrilamida. Ela se forma quando o alimento é aquecido em altas temperaturas.

Além disso, a maior parte dos óleos que são usados para fritar essas batatas ficam rançosos. Isso tem como resultado alimentos que causam infecções no corpo. E também podem desencadear doenças cardíacas, câncer e artrite.

6 – Pizza congelada

Ela pode salvar a vida de quem tem preguiça de cozinhar. Mas a pizza congelada está cheia de condicionadores e conservantes artificiais. A massa dela é feita de farinha branqueada que, no corpo, reage como um açúcar. Isso causa o ganho de peso e desequilíbrio glicêmico no sangue.

7 – Salgadinho de milho

Muita gente gosta desses salgadinhos, mas a maioria do milho que se come é geneticamente modificada. E consumir ele causa rápidas flutuações de açúcar no sangue. Elas podem ser percebidas pelas alterações de humor, ganho de peso e irritabilidade.

A maior parte desses salgadinhos é frita em óleos que ficam rançosos. E também estão relacionados com inflamações.

Attack on Titan revela o poder mais perigoso do Titã Fundador, até agora

Matéria anterior

6 coisas que você não imaginava que conseguiria fazer online

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.