• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 provas de que Robert Pattinson pode ser um excelente Batman

POR Letícia Dias    EM Fatos Nerd      31/05/19 às 17h14

Após rumores e falta de confirmações, aparentemente, a Warner Bros. finalmente aprovou Robbert Patttinson como o protagonista de The Batman. Pattinson foi considerado para o papel porque Matt Reeves, o diretor do filme, aprecia o trabalho do ator. Não, ele não é um fã da Saga Crepúsculo. Muitos ainda têm pré-conceitos formados a respeito da atuação de Pattinson. No entanto, nos últimos anos, ele tem se destacado no cenário de filmes independentes.

De acordo com o Deadline, assim como Christopher Nolan, Reeves recebeu a missão de dirigir uma trilogia de filmes do herói. E embora o cineasta já tivesse dado sua sugestão para o intérprete de Bruce Wayne, a Warner estava dividida entre Nicholas Hoult e Pattinson. Por isso, os dois atores tiveram de passar por testes de câmera. Embora os resultados de Holt fossem impressionantes, o papel foi para Robert Pattinson.

Mesmo assim, muitos ainda devem estar meio incertos quanto à capacidade do ator de fazer jus ao Cavaleiro das Trevas. Isso é totalmente plausível levando em consideração todos os problemas que a DC teve com o Batfleck. No entanto, fizemos uma seleção de 7 motivos pelos quais Robert Pattinson tem tudo para ser um bom Batman e esperamos que, após essa lista, você veja a luz no fim do túnel, mesmo que esse túnel esteja em Gotham.

7 - Foge do óbvio

Entre todos os nomes possíveis para representar o Homem-Morcego, Pattinson nunca foi considerado um provável intérprete. Alguns veículos de comunicação chegaram a circular notícias de que o ator havia sido cotado como o herói no filme de Reeves muito antes de qualquer evidência. Isso tudo aconteceu como forma de uma pegadinha de primeiro de abril, porque ninguém levava essa possibilidade à sério.

No entanto, a escolha do ator para o papel pode trazer consigo algumas vantagens. Uma nova parcela de público para a DC é um exemplo. Um dos motivos pelos quais a escolha do astro vem sendo tão criticada, é o fato dele ser conhecido na cultura pop. Goste dele ou não, é inegável a popularidade de Pattinson. Trazer um ator popular entre um geração específica para um universo dominado por um público também específico é uma mescla que pode ocasionar a democratização do DCEU.

Vale lembrar que Chris Evans e Heath Ledger foram alvos do mesmo tipo de julgamento. Ambos eram conhecidos por suas participações em filmes adolescentes e sofreram represálias quando assumiram os papéis de Capitão América e Coringa. Hoje, vendo o resultado de seu trabalho, ninguém ousaria dizer que havia uma opção melhor.

6 - Completa perfeitamente a parte da história antes de Batfleck

Embora o Batman de Pattinson não precise necessariamente estar ligado ao apresentado por Zack Snyder, passa a impressão de que realmente é uma versão mais jovem do Bruce Wayne de Ben Affleck. O filme provavelmente deve se passar no período dos anos 1990. Essa escolha cronológica, planejada ou não, permite traçar uma linha do tempo do assassinato dos pais do pequeno Bruce até o Batman semi-aposentado de Liga da Justiça. O Batman de Pattinson será a ponte que une os períodos entre esses acontecimentos.

5 - Compatibilidade com a atmosfera Noir

Matt Reeves vai explorar as características de Bruce Wayne como o melhor detetive do mundo. O que implica que o longa vai ser caracterizado por uma atmosfera mais sombria e policial, perfeitamente compatível com Gotham. Nos últimos trabalhos de Pattinson, o ator desenvolveu muito suas habilidades de atuação e uma de suas características marcantes é como ele consegue representar a violência de uma forma introspectiva. Esse recurso casa muito bem com o que Reeves disse esperar do filme.

4 - Semelhança com Bruce Wayne

Bruce Wayne é o alter ego do Cavaleiro das Trevas. Wayne, assim como Stark, é um bilionário, filantropo e playboy. Quando não está passando o tempo lutando contra o crime, o herói costuma se divertir gastando dinheiro e saindo com modelos, algo que foi muito bem representado por Christian Bale. O ar de seriedade e as habilidades de sedução do magnata, foram comprovadas por Pattinson em Bel Ami.

E se Selina Kyle realmente for confirmada no filme, esse recurso será muito bem utilizado no jogo entre Mulher-Gato e Batman. Além disso, assim como mostrado em Cosmópolis, não vai ser difícil para o ator interpretar um bilionário vivendo na conturbada Gotham.

3 - Biotipo

As características físicas de Pattinson também foram um alvo das críticas. Muitos esperam que o protetor de Gotham seja musculoso e impenetrável. Pudemos ver isso no personagem de Ben Affleck. No entanto, vale lembrar que Pattinson, assim como Bale, pode ganhar peso e trabalhar no desenvolvimento de músculos. Todavia, se levarmos em consideração o conceito de Reeves para The Batman, talvez o biotipo de Pattinson seja exatamente o que ele busca. Um Batman ágil e esguio é algo muito mais orgânico, funcional e realista.

2 - Versatilidade de atuação

Após Crepúsculo, Pattinson dedicou sua carreira a grandes projetos, não pelo orçamento e sim pelas histórias que contavam. O ator passou a selecionar seus papéis de acordo com o desafio que seria interpretá-los. Isso fez com que ele ficasse conhecido por sua capacidade de dar vida à qualquer tipo de personagem. Nos últimos anos ele se tornou popular por conseguir por trabalhar com os melhores diretores possíveis, inclusive está no novo filme de Nolan.

1 - É o destino dele


Depois dessa lista, esperamos que agora você acredite no potencial do trabalho de Matt Reeves e Robert Pattinson. The Batman deve começar a ser filmado no final desse ano e tem previsão para chegar aos cinemas em junho de 2021. Bem-vindo, Battinson!

Próxima Matéria
Letícia Dias
Trabalhando pra falar de super-heróis, filmes e séries em tempo integral | @letdiax
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+