• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


8 maiores mitos sobre doenças mentais que todo mundo acredita

POR Natália Pereira    EM Ciência e Tecnologia      02/02/18 às 15h41

O quanto você realmente sabe sobre doenças mentais? Em certo momento as pessoas começaram a usar alguns termos da psicologia de forma banal e superficial. Doenças como o transtorno bipolar, conhecido popularmente como bipolaridade, passaram a ser tratados simplesmente como uma indecisão ou mudança de opinião. Alguém que está tendo um dia difícil e está aparente mente triste passou a apresentar "sintomas depressivos", e assim por diante.

A banalização de certos problemas psicológicos faz com que tenhamos uma ideia incorreta sobre eles. Você os usa de forma geral para abranger diversas situações cotidianas e acaba diminuindo a sua relevância. Isso faz com que tudo pareça muito mais simples do que realmente é. As pessoas olham superficialmente algo pela internet e já acham que sabem tudo sobre o assunto. Que conseguem identificar problemas médicos sem nenhuma especialização e espalham falsas informações por aí, até um momento em que as pessoas realmente começam a acreditar que aquilo é verdade. Acontece que nem sempre esse é o caso e esses são alguns dos mitos mais conhecidos sobre algumas doenças mentais.

1 - Transtorno de múltiplas personalidades (Inconsciente)

Esse distúrbio também é bastante conhecido como "dupla personalidade" e tem ganhado mais visibilidade devido alguns filmes e séries populares. O clássico Psicose é um ótimo exemplo para isso, juntamente como O amigo oculto. Ambos tratam de pessoas com transtorno de múltiplas personalidades, nesses casos apenas duas. Mas eles sustentam uma ideia errada sobre essas pessoas cujo a maioria realmente acredita.

É verdade que as pessoas com essa doença podem ter perda de memoria durante o período que sua outra personalidade toma conta, mas isso não é uma regra. Elas podem ter plena consciência disso e até mesmo aprenderem a coexistir. Além disso, nem sempre seus comportamentos são completamente opostos e facilmente perceptíveis. Traumas na infância são o principal motivo para se desenvolver esse problema, mas não o único.

2 - Automutilação como tentativa de suicídio

Por mais que a ideia de que aqueles que se machucam pretendem se suicidar tome conta da maioria das pessoas isso não é verdade. A maioria das pessoas que cometem automutilação chegam a passar anos sem fazer qualquer ferimento realmente grave. É claro que esse comportamento pode acabar levando ao suicídio em algum momento mas muitas vezes eles acabam fazendo isso para tentar suprir aquela necessidade e não tirarem realmente sua vida.

3 - Doenças psicológicas não passam de imaginação

Muitos realmente acreditam que os problemas psicológicos não existem de verdade. De acordo com essas pessoas, doenças como essas não passam de frescura e você pode deixar de tê-las na hora que quiser. Muitas vezes esses problemas não são levados a sério, mas são uma doença como outra qualquer e até apresentam sintomas físicos. Elas possuem fatores biológicos e psicológicos reais e precisam de atenção. Doenças mentais afetam significativamente a vida das pessoas e devem ser tratadas corretamente.

4 - Esquizofrênicos ouvem vozes na sua cabeça

Assim como qualquer outra doença, a esquizofrenia tem variáveis e nem todos apresentam os mesmos sintomas. A ideia de que "existem vozes" na cabeça de pessoas esquizofrênicas se popularizou na internet e muitas pessoas acreditam que essa seja uma regra. Na verdade, quando ocorrem alucinações auditivas elas geralmente são provenientes de algo externo ao seu corpo. Como se tivesse algo fora da pessoa que estivesse falando com ela, e não saída de si mesma.

Apesar de muitos esquizofrênicos terem alucinações visuais e auditivas, delírios, desorientação e desapego nem sempre eles andam juntos, muito menos são uma regra geral. Existem muitas formas diferentes para que a esquizofrenia se manifeste.

5 - Problemas mentais são raros

Acabamos associando, na maioria das vezes, os problemas mentais apenas para aqueles que os apresentam de forma drástica e evidente mas nem sempre eles se manifestam assim. Você pode conviver anos e anos com uma pessoa sem saber que ela tem algum problema psicológico. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, cerca de 1 em cada 4 pessoas tem algum tipo de distúrbio mental.

6 - Pessoas com distúrbios mentais são violentas

As pessoas tendem a justificar atos hediondos, como os assassinatos, a pessoas com problemas mentais. Essa afirmação na verdade é um erro. É claro que algumas pessoas com distúrbios mentais podem ser ou virem a se tornar violentas, mas não se aplica a todos os casos. Pelo contrário, de acordo com um estudo de 2014 feito por 5 instituições - Universidade Estadual da Carolina do Norte, RTI International, Universidade da Califórnia, Universidade de Simon Fraser e Universidade de Duke, pessoas com doenças mentais tem mais chance de serem violentadas do que elas mesmas violentarem alguém.

7 - Transtorno mental é coisa de gente fraca

Fraqueza não tem nada a ver com problemas psicológicos. Elas são uma junção de fatores tanto internos quando externos. Eles podem ser causados por traumas, decorrentes de problemas pessoais, uma predisposição genética, alterações clínicas ou até mesmo químicas no cérebro. E, independente da forma como ela se deu, é preciso muita forma para suportá-los e superá-los.

8 - Não há cura para problemas mentais e não se pode ajudá-los

Mais uma vez, existem níveis e níveis de cada doença. Elas se manifestam de forma diferente em cada pessoa e dependendo da sua forma elas podem sim ser curadas. Problemas como a depressão podem ser curados se forem devidamente tratados. Além disso, existem tratamentos que podem melhorar significativamente os sintomas da doença e você pode sim ajudar aqueles que tem enfrentado dificuldades. Amigos e familiares são muito importantes nesse momento e você pode ajudar muito no progresso de um tratamento, basta se informar mais sobre o assunto e se preocupar com a pessoa.

Muitos mitos a respeito de doenças mentais são dissipadas como verdade continuamente. Você provavelmente já chegou a acreditar em pelo menos um desses mitos apresentados, não é mesmo? Comenta aí em baixo se você já sabia a verdade sobre eles.

Próxima Matéria
Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+