• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

8 treinamentos militares mais violentos e estranhos do mundo

POR Magno Oliver    EM Curiosidades      30/06/15 às 16h37

 

Completar 18 anos de idade e ter que se alistar no serviço militar é uma atividade muito comum para os jovens de todo o mundo. E no exército, o treinamento militar é a parte mais importante para o estilo de vida de um soldado. O treinamento de soldados do exército é bem puxado e focado para o bem estar físico, além do objetivo de manter os soldados bem preparados para qualquer tipo de eventualidade de natureza militar ou que envolva o bem estar da nação.

Os soldados aprendem várias coisas em seus preparos militares, seja de manuseio e disparo de armas de fogo, sobrevivência nos mais diversos ambientes e situações, salvamentos, noções de cidadania e etc. O objetivo principal é melhorar a resistência ao cansaço, fome, fadiga, sede e várias outras necessidades fisiológicas.

E existem treinamentos militares pelo mundo que são absurdos e horripilantes de tão violentos que são em sua essência. Separamos para você uma listagem com os treinamentos mais estranhos e pesados do mundo. Confira aí na matéria:

1 - O treinamento dos SEAL da Marinha

2_CSVJ.jpg

Essa é uma imagem do treinamento dos super-soldados da SEAL Team 6, da Marinha americana. Os SEALS são super combatentes que recebem um duro treinamento pelo período de dois anos das mais diversas modalidades e são escolhidos para realizar as missões mais difíceis e complicadas.

Eles realizam atividades como flutuar por cinco minutos em alto mar, nadar até a parte rasa da piscina e se virar sem tocar no fundo ou voltar para o fundo do poço, fazer uma cambalhota para trás, para frente e debaixo d'água com as mãos presas e a chave para se libertar guardada bem no fundo.

2 - Beber sangue de cobra

Cobra-Gold-2010-marine-a-lezione-di-sopravvivenza_galleryzoom

Os Marines norte-americanos passam por um treinamento espantoso. Eles bebem sangue de cobra e são forçados a arrancar a cabeça fora de galinhas com os dentes. O exercício dura 11 dias e se chama Cobra Gold e envolvem mais de 13.000 soldados.

3 - Rastejar nas pedras -Taiwan

Trainees take part in the Taiwan Marines frogmen "Road to Heaven" test in Zuoying, Kaohsiung, southern Taiwan, January 19, 2011. The "Road to Heaven" test, which is the final stage of a nine week intensive Amphibious Training Program, requires trainees to execute various exercises and leopard crawl along a 50 metre long path that is littered with jagged corals and rocks. Picture taken January 19, 2011.       REUTERS/Nicky Loh (TAIWAN - Tags: MILITARY SOCIETY)

O Corpo de Fuzileiros Navais chinês é o braço de força da República da China Marinha, a responsável pelo combate anfíbio e força de reação rápida e reserva estratégica. Um dos exercícios mais comuns é o treinamento em 50 metros cheio de corais e rochas espalhadas imitando o modo de locomoção da cobra para fins de treinamento e resistência.

4 -  Rapel lateral e salto de arranha-céus - Forças de Defesa de Israel

a99366_Tel Aviv

 

Terra, água e agora um exemplo de treinamento aéreo. Essa é a unidade anti-terror da Força de Defesa de Israel fazendo rapel lateral e saltando do topo de  um dos edifícios mais altos de Tel Aviv. O treinamento consiste em bloquear tudo o que está ao redor, manter o foco apenas na janela e aguardar o comando do chefe para que os soldados possam se mover.

5 - Treinamento chinês e sul-coreano: quebrar placas de concreto usando a cabeça

korea-brick-kick_671032n

A tropa militar chinesa e sul-coreana é bem conhecida por seus soldados que fazem artimanhas muito loucas. O Exército Popular de Libertação da China é muito conhecido por seus soldados que quebram varas de bambu em suas costas, blocos enormes de tijolos sobre suas cabeças e até nos ombros. O treinamento militar deste grupo é bem rígido e exige condições físicas bem preparadas para saber lidar com o cronograma de exercícios.

6 -  Salto entre aneis de fogo - Exército da China

5mar2014---soldado-do-exercito-da-liberacao-do-povo-atravessa-anel-de-fogo-em-treinamento-em-heihe-na-provincia-de-heilongjiang-na-china-1394020794019_956x500

Esta imagem é de um soldado temerário em um treinamento militar entre aneis de fogo, do Exército de Libertação Popular da China. Segundo um dos supervisores chineses de operações militares, o objetivo é fazer com que o soldado tenha os mesmos sentimentos  de adrenalina e frio na barriga que uma situação real de confronto fará com que ele passe.

7 - Treino de tiro no peito - Forças Russas

O exercício de tiro no peito é uma técnica de treinamento que envolve dois soldados, um atirando no outro e o único alvo é o peito. O objetivo por trás de tal atividade é preparar as tropas para o momento em que eles podem tomar um tiro do inimigo. Independente se eles levavam tiros ou não, o soldado tinha que ser capaz de retornar o fogo com precisão e muita rapidez.

8 - Brincar de "batata quente" com uma granada

Esse treinamento envolve disciplina, coragem, precisão, proatividade e necessidade de tornar esses desejos realidade no campo de batalha. Os soldados do Exército Popular de Libertação da China tomaram esses ideais a um nível grande e que envolve um jogo de vida e morte com uma granada com a brincadeira "batata quente". A fim de realçar o sentido de valorização da coragem e preservação da vida, eles treinam com uma granada cantando a famosa música da "batatinha quente". Meio loucura, não?

Próxima Matéria
Magno Oliver
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+