Entretenimento

Americano ganha US$ 1 milhão em loteria após erro em bilhete

0

Um americano ganhou um prêmio de 1 milhão de dólares porque um funcionário cometeu um erro durante a impressão do seu bilhete de loteria. O sortudo da vez foi John Buster, de 40 anos, natural de Iowa.

John Buster pediu cinco jogadas de “escola fácil”, que é o tipo de aposta em que os números são escolhidos de forma aleatória para o jogador. O sorteio seria realizado no dia 15 de abril. Dessa forma, segundo o homem, o funcionário da loja de conveniência em que ele realizou a compra imprimiu uma jogada em um bilhete e as outras quatro em um bilhete diferente.

“Acho que isso mudou os números que teriam sido sorteados para mim se ele tivesse colocado todos em apenas um bilhete em vez de cometer o erro”, disse o americano em um comunicado à imprensa da loteria de Iowa.

De acordo com a loteria, as chances de um jogador ganhar 1 milhão de dólares no jogo em que o americano jogou são de 1 em 12.607.306.

A sorte no Brasil

Reprodução

A chance de ficar rico por conta da compra de um bilhete premiado é algo atraente para qualquer pessoa. Dessa forma, basta dispor de poucos reais, escolher uma sequência de números ou um produto e recolher seus milhões se a sorte estiver do seu lado.

Logo, muitos brasileiros têm o costume de jogar nas loterias. Contudo, o primeiro registro de loteria brasileira é relativamente recente, sendo feito em 1784, na então capital de Minas Gerais, Vila Rica, chamada de Ouro Preto nos dias atuais. Já o dinheiro que arrecadaram foi usado para construir a Câmara dos Vereadores e a Cadeia Pública.

Depois disso, outras loterias surgiram ao redor do Brasil, prática que faz sucesso até hoje. Assim sendo, desde 1961, as Loterias Caixa administram as loterias brasileiras oficiais. Porém, ainda existem casas de apostas ilegais e jogos de azar clandestinos como Jogo do Bicho e Bingos. Mas, como não são legalizadas e, portanto, não reguladas por órgãos oficiais, aconselha-se não tentar a sorte nessas casas.

Loterias no Brasil

Nos dias atuais, existem 10 modalidades em atividade que possuem sorteios semanais. São elas: Loteca, Federal, Lotofácil, Lotomania, Quina, Dupla Sena, Timemania, Mega-Sena, Dia de Sorte e Super Sete. Dentre essas, a Mega-Sena é a mais famosa por ter prêmios maiores na maior parte das ocasiões.

Além disso, a Lotofácil e a Quina possuem sorteios diariamente e, por essa razão, faz parte da rotina do brasileiro. Já o primeiro jogo de Loteca aconteceu no dia 18 de fevereiro de 2002, sendo uma modalidade voltada para aqueles que amam o futebol. Na ocasião, premiaram duas apostas com R$ 55.985,99 cada.

Para ganhar, o apostador deve acertar os 14 ou 13 resultados dos jogos realizados no fim de semana. Com isso, é possível marcar resultados duplos ou triplos para aumentar a chance de faturar o prêmio.

Enquanto isso, o maior prêmio da história da Loteca foi de R$ 5.774.725,88, entregue no concurso 911, do dia 7 de dezembro de 2020. Foram duas apostas que dividiram o valor, recebendo cerca de R$ 2,887 milhões cada.

Já o Federal é o jogo lotérico mais antigo da Caixa, tendo seu primeiro concurso no dia 15 de setembro de 1962. Nessa modalidade, imprime-se bilhetes com números, disponíveis para venda.

Tendo 10 frações que se pode comprar inteiras ou em partes, é possível dividir o valor do prêmio. Já o prêmio fixo é de R$ 500 mil. Contudo, uma vez por mês, temos a Milionária Federal, que sorteia R$ 1,350 milhão.

Qual é a mais fácil?

Assim sendo, muitos consideram a Lotofácil a mais fácil de ganhar. Nesse jogo, sorteia-se 15 números de 25, que entregam o prêmio máximo.

O primeiro concurso ocorreu em 29 de setembro de 2003, sendo que cinco apostas dividiram o prêmio de R$ 248.829,10. Assim, a chance de acertar o resultado das 15 dezenas com a aposta simples é de uma em 3.268.760.

Fonte: R7

Intoxicação alimentar: mais de 50 pessoas param em ambulatório após passarem mal em resort

Matéria anterior

Indonésia: vulcão Anak Krakatoa entra em erupção

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos