Notícias

Audiência virtual do TJ-RS é interrompida após homem aparecer sentado em vaso sanitário

0

Uma cena inusitada fez com que uma sessão virtual da 21ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS) precisasse ser interrompida. Isso porque, na última quarta-feira (25), um homem apareceu sentado nu em um vaso sanitário durante a audiência. De acordo com a nota do Poder Judiciário, “trata-se de um processo cujo julgamento ainda não havia sido iniciado”.

Nas redes sociais, circula uma imagem em que é possível ver apenas as pernas do homem nu sentado no vaso. Assim sendo, estavam presentes na audiência desembargadores, procuradores e advogados.

O Poder Judiciário afirma que suspendeu a audiência. Além disso, bloqueou o homem. “As providências cabíveis já estão sendo tomadas para apurar detalhadamente o ocorrido”, defende o TJ-RS.

Nota na íntegra

“Com relação ao episódio ocorrido na tarde dessa quarta-feira (25/5), durante sessão de julgamento da 21ª Câmara Cível, em que uma pessoa aparece no banheiro com a câmera de vídeo ligada, cumpre esclarecer que não se trata de Magistrado, Procurador, Advogado ou Servidor do TJ.”

“Trata-se de parte em processo cujo julgamento ainda não havia iniciado, mas que indevidamente se encontrava com a câmera aberta. A sessão foi suspensa e retomada após o imediato bloqueio. As providências cabíveis já estão sendo tomadas para apurar detalhadamente o ocorrido.”

Audiências inacreditáveis

Reprodução

Ser selecionado para ser jurado em um tribunal pode ser uma experiência entediante. No entanto, em alguns casos, várias histórias interessantes surgem desse dever.

Assim sendo, uma dessas histórias é da usuária laureng49. Ela relatou que compareceu ao tribunal e, durante a entrevista para ser ou não selecionada para aquele caso em específico, ela viu a mesa do réu. Sentado, estava seu vizinho, acusado de tentativa de assassinato. Por essa razão, ela acabou sendo dispensada.

Efeito dominó

O usuário symeansart contou outra história. “Um jurado estava com problemas intestinais e gases terríveis, mas o juiz não o isentou. A certa altura, o estômago do jurado fez um barulho tão alto que os advogados pediram para retirá-lo. O juiz recusou, mas logo esse cara soltou o peido mais vil. O juiz ficou com um tom de verde só visto em desenhos animados e vomitou por todo o banco. Um advogado desmaiou.”

Ameaças na audiência

Já brendag4 relatou algo assustador. “Durante nosso intervalo, a namorada de um dos réus gritou pelos corredores que seu homem era inocente. Ela disse que se o acusássemos de ‘culpado’, ela mataria todos. Ela sussurrou para todos nós, um por um, que ela se lembraria de nossos rostos. Portanto, a segurança teve que ser chamada e fomos autorizados a voltar para casa para sempre.”

Crianças da década de 90

Lizzyneversleeps contou sua história da vez que compareceu à audiência e foi questionada sobre seu conhecimento das músicas dos anos 90. “Durante a seleção do júri, o promotor perguntou se alguém tinha ouvido a música ‘It Wasn’t Me’ de Shaggy.”

“Dessa forma, apenas duas pessoas levantaram a mão, eu e outra garota de vinte e poucos anos. Então, fomos selecionadas. Eu não entendi o motivo dessa ser uma das perguntas até o último dia. Isso porque o promotor fez referência às letras durante seus argumentos finais. Foi difícil manter uma cara séria.”

Encontro pós audiência

Michele McNally relatou em seu Facebook sua história engraçada. “Fui para o júri, mas não me escolheram. Mas no final do dia, quando eles estavam entregando o papel que comprova que você serviu e não tem que voltar por um tempo, o oficial me ignorou. Ele esperou até que todos saissem, e então ele me convidou para um encontro. Eu disse a ele que tinha um namorado. Mas eu estava preocupado que se eu recusasse, ele ficaria com o meu comprovante!”

Fonte: G1

Casal de onças se reencontra depois de ficar três anos separado

Matéria anterior

Mulher salva cachorro que caiu de 6 metros de altura

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos