Mundo Afora

Bispo teve US$ 1 milhão em joias roubadas em sermão transmitido ao vivo

0

O bispo Lamor Whitehead, de 44 anos, que é conhecido por seu estilo de vida bastante extravagante, teve suas joias roubadas enquanto transmitia ao vivo um sermão na cidade de Nova York, nos Estados Unidos. O valor dos objetos soma mais de US$ 1 milhão (R$ 5,3 milhões).

As imagens mostradas nas plataformas ao vivo de mídia social do bispo mostraram o momento em que três homens, que estavam armados, encapuzados e mascarados, entraram no templo da congregação Ministérios Internacionais Líderes do Amanhã, no bairro do Brooklin. Além das pessoas que assistiram online, também havia fiéis no local.

O bispo usava um terno marrom com gola e punhos dourados. Além disso, ele estava com longa corrente de ouro e um grande anel em cada dedo, também utilizando um relógio Rolex. 

No momento do assalto, o religioso pregava sobre a fé diante de situações adversas: “Quantos de vocês perderam a fé porque viram outra pessoa morrer?”.

Ao ouvir de um dos dos assaltantes, “não se mexa”, ele responde “tudo bem, tudo bem” e se joga no chão. Veículos de imprensa internacional compartilharem o vídeo.

Veja abaixo o momento do assalto:


Investigação

Foto: AP/ Mary Altaffer

A polícia ainda está investigando o caso. Até o momento, nenhum suspeito foi identificado ou preso.

Além disso, ainda não se sabe quantas pessoas estavam presentes durante o culto.

“Quando eu os vi entrar no santuário com suas armas, eu disse a todos que se abaixassem, todos se abaixassem”, disse o bispo mais tarde no Instagram. “Não sabia se eles queriam atirar na igreja ou se eles estavam apenas vindo para um assalto.”

De acordo com Whitehead, os ladrões mascarados escaparam em uma Mercedes.

Logo após o roubo, o jornal New York Post informou que as joias levados do bispo e de sua esposa incluíam relógios Rolex e Cavalier de US$ 75 mil, um anel de rubi e diamante episcopal de US$ 25 mil e um par de brincos de US$ 25 mil. O casal também teve as alianças roubadas, conforme o veículo.

“Para você chutar a porta de uma igreja e vir com armas no meio do culto — o que Deus vai fazer com vocês está acima do que consigo avaliar”, afirmou ele sobre os ladrões no Instagram.

Por meio de comunicado, o prefeito de Nova York, Eric Adams, que conhece Whitehead desde pelo menos 2013, afirmou que o Departamento de Polícia de Nova York está investigando o crime.

“Ninguém nesta cidade deveria ser vítima de assalto à mão armada, muito menos nossos líderes religiosos”, declarou Adams.

Recompensa

Foto: Larry Busacca / Getty Images/ VH1

Por meio de uma live no Facebook no dia 25 de julho, o bispo Whitehead ofereceu uma recompensa em dinheiro de 50.000 dólares para quem tivesse informações que ajudassem a polícia durante a investigação.

“Vocês não podem fazer isso com minha família e se safar”, afirmou ele. 

O roubo ainda gerou uma forte onda de críticas nas mídias sociais sobre seus gostos luxuosos e estilo de vida.

“Não se trata de ser chamativo”, disse Whitehead. “É sobre eu comprar o que eu quero comprar. É minha prerrogativa comprar o que eu quero comprar. Se eu trabalhei duro para isso, posso comprar o que quero comprar.”

Além disso, o caso foi comentado pelo rapper 50 Cent, que ficou chocado com o roubo. No Twitter, o artista afirmou: “Enquanto isso, em Nova York, eles roubam a igreja enquanto ela está em serviço”.

Veja o tweet abaixo:

Fonte: BBC

E se trabalhássemos para sempre em home office?

Matéria anterior

Aranhas mortas viram garras mecânicas em laboratório

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos