História

Idade Média: coisas que você não sabia

Idade média
0

A Idade Média é uma das épocas mais fascinantes da história, sendo popularizada pela ascensão e força da Igreja Católica, os feudos e a peste bubônica. Mas, o quanto você conhece sobre a Idade Média? Algumas coisas não foram incluídas nos livros de história, mas valem a atenção. 

Classes sociais

Você provavelmente se lembra de ter estudado que nessa época tinham apenas três classes sociais: aqueles que rezavam, aqueles que lutavam e aqueles que trabalhavam. Isso é muito comum quando estamos estudando esse período, mas não é muito verídico.

A população europeia aumentou bastante no século XII e no século XIII, com cidades e vilarejos crescendo cada vez mais. Paris cresceu 10 vezes mais e Londres não estava muito para trás. Nesses lugares, existiam todo tipo de emprego, como comerciantes, carpinteiros, açougueiros, feirantes, arquitetos, pintores e muito mais.

Liberdade

Idade média

Wikimedia Commons

Nas regiões rurais, não é verdade que eram todos súditos feudais, ou seja, presos à terra. Muitas pessoas eram livres e tinham suas próprias propriedades. Outro fato que poucos sabem é que as pessoas poderiam votar. Pelo menos algumas. 

Sendo assim, a liberdade dessas pessoas foi diferente do que pensávamos. Na França, nos séculos XII e XIII, muitos vilarejos eram governados de forma local como uma comuna, em que havia eleições para escolher conselheiros. As pessoas que poderiam votar eram apenas homens, enquanto mulheres geralmente não poderiam se eleger e nem votar.

Caça às bruxas e renascimento

Outra coisa muito famosa dessa época é a caça às bruxas. Incrivelmente, a ideia de uma caça às bruxas coletiva e intensa é algo que ocorreu nos séculos XVI e XVII. Na Idade Média havia alguns julgamentos, mas esses se tornaram mais comuns a partir do século XV em lugares de língua alemã.

Na maior parte da Idade Média, a Igreja simplesmente citava que bruxaria era bobagem e que não funcionava. Além disso, houve um pequeno Renascimento ainda no século XII. Isso ocorreu em grande parte pela transmissão de ensinamentos de Aristóteles e outros autores clássicos. 

Viagens

Pode parecer também que as pessoas ficavam só dentro de seus vilarejos, mas isso não é verdade. Esse é o caso mais para as pessoas que ficavam em áreas rurais, contudo, aqueles que ficavam nas cidades viajavam para bem longe. Aqueles que eram envolvidos com comércio e trocas eram principalmente viajados e alcançavam terras distantes.

Práticas pagãs

Além disso, tinham tradições que não eram cristãs, como muitos pensam. É fato que a maior parte da Idade Média foi influenciada pela Igreja Católica, mas nem tudo. Algumas práticas tradicionais e folclóricas continuaram em certas regiões, como a prática de jogar trigo na cabeça de recém-casados.

Casamento

Idade média

Reprodução/Pinterest

Você também não precisava se casar em uma igreja! Aqueles que queriam que a união fosse oficializada poderiam fazer isso sem uma igreja, padre ou qualquer outro elemento de um casamento tradicional cristão.

Foi no século XII que a Igreja ativamente começou a defender que o casamento era um sacramento, mas a prática comum era simplesmente de declarar às autoridades locais que queriam se casar. 

Alfabetização

Outro fato interessante é que a maior parte dos grandes escritores não escreviam. Nós temos a tendência de achar que a alfabetização é uma só coisa, mas é na verdade uma combinação de várias habilidades, sendo que o ato de escrever é apenas uma delas.

Na a maior parte da Idade Média, trabalhar como escrivão era considerado um trabalho simples, não sendo de pessoas especialmente inteligentes ou importantes. Então, os grandes escritores simplesmente recitavam enquanto o escrivão fazia o trabalho de imortalizar o texto.

Religião

Outra crença popular é a de que todas as pessoas eram extremamente religiosas. Seria errado acreditar que isso é verdade, já que muitas pessoas nem pensavam de forma tão abstrata sobre o universo e a vida após a morte.

Eles pensavam na alma como nada além de uma parte do corpo que desaparecia depois da morte. Outros achavam que não fazia sentido um Deus fazer plantas crescerem, já que é o trabalho que faz isso.

Terraplanismo

Por fim, as pessoas da Idade Média não acreditavam que a Terra era plana, mesmo isso sendo uma crença popular quando pensamos nessa época. Ficou chocado com esses fatos?

YouTube libera ranking anual de vídeos e criadores

Matéria anterior

10 mulheres mais poderosas do mundo, segundo a Forbes

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos