Com certeza você já se afogou em alguma piscina, banheira, ou até mesmo bebendo um copo d'água.  O afogamento é a dificuldade de respirar devido a aspiração de algum líquido, geralmente água... Na maioria das vezes, as pessoas conseguem expelir a água, mas há casos em que a pessoa está muito longe da superfície para poder respirar, e por instinto, acaba aspirando a água para dentro dos pulmões.

Felizmente, foi criado um dispositivo de segurança que funciona, que pretende evitar afogamentos. O aparelho funciona como um airbag na água, podendo ajudar a evitar muitas mortes por afogamentos. O projeto ainda busca financiamento para ser produzido em larga escala.

O Kingii, como é chamado, é  uma boia que fica armazenada em um pequeno compartimento, preso ao pulso, como um relógio. Ele possui uma alavanca que pode ser acionada pela pessoa em casos de risco, o que vai acionar o cartucho interno de C02 e inflar a boia, que imediatamente puxa a pessoa para a superfície.

O Kingii ainda vem com um apito e uma bússola, para guiar a pessoa em casos de naufrágios e pedir socorro para embarcações durante a noite ou na neblina. A boia pode ser esvaziada e usada novamente com a inserção de um novo cartucho de CO2.

Publicidade
continue a leitura

Kingii-Wrist-Worn-Flotation-Aid-1

A invenção não serve para todas as situações de emergência. Apenas deve ser usada em locais fundos ou com águas agitadas, durante atividades como natação, surfe, mergulho, pesca ou stand up paddle.

A campanha de financiamento coletivo já levantou quase US$ 600 mil, muito superior à meta inicial de US$ 65 mil. Mesmo dependendo do fechamento da campanha, espera-se que o Kingii comece a ser produzido ainda neste ano.

Publicidade
continue a leitura

Para encomendar o produto no Brasil, o valor seria de US$ 94 (R$ 330), incluindo dois cartuchos de CO2 e o frete, mas o preço tende a cair se as vendas aumentarem.

kingii

Kingii

Publicidade
continue a leitura

O nome do aparelho foi inspirado no Chlamydosaurus kingii ou "lagarto-de-gola", que é um réptil com uma cartilagem especial, que ele abre para afugentar predadores e regular a temperatura do corpo. Como o Dilofossauro de Jurassic Park.

Dilophosaurus

Publicado em: 19/08/15 16h15