• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Conheça o procedimento que promete curar transtornos psicológicos e traumas com um toque

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      20/09/18 às 16h18

Traumas e transtornos psicológicos são um dano emocional que vêm em decorrência de algum acontecimento que se pressupõe a ser uma experiência de dor e sofrimento tanto emocional como físico. O trauma pode levar ao estresse e causar mudanças físicas no cérebro afetando o comportamento e pensamento de uma pessoa.

Uma técnica, que ainda é pouco conhecida no Brasil, promete curar esses traumas e transtornos com apenas um toque. É a microfisioterapia. Essa terapia promete ir além do tratamento desses distúrbios, mas também ajudar em diferentes doenças do organismo.

Essa técnica foi desenvolvida na década de 1980 pelos franceses Daniel Grosjean e Patrice Bénini e pretende buscar a causa da doença e não só tratar seus sintomas. "Essa terapia manual vai na origem dos sintomas porque atinge a memória celular do trauma que a pessoa sofreu na parte física", explica Edmilson Barbosa Nogueira, fisioterapeuta formado na técnica de microfisioterapia.
As sessões dessa terapia duram cerca de 1 hora e avaliam a mobilidade e restrições da pele do paciente. "Existem pontos específicos da epiderme que foram mapeados pelos franceses e que são seguidos por nós. Realizamos micropalpações no tecido, que são testados, e seus significados aos estímulos indicam uma possível restrição. Tudo é muito sutil, suave", explica.

A periodicidade das sessões varia de 30 a 40 dias, e é necessário, no mínimo, três sessões para o sintoma ser investigado. "Em geral, a cada sintoma, a pessoa nos procura para investigá-lo", comenta.

Terapia

Essa terapia funciona como um complemento, um tratamento alternativo, do tratamento que o paciente estiver fazendo. "Ela atua junto à medicina tradicional, à acupuntura, ao pilates. Como ela melhora o corpo, ela faz com que o paciente reaja melhor aos outros tratamentos".

A microfisioterapia ajuda no tratamento de doenças psicológicas como por exemplo a síndrome do pânico, ansiedade e depressão. Isso acontece porque a sessão pode ajudar a descobrir a causa física das doenças psicológicas.

"Quando a hipófise e hipotálamo estão sobrecarregados, isso pode gerar um problema emocional e gerar microssintomas que repercutem em partes do corpo, como músculos ou órgãos. Às vezes, uma dor no pescoço tem um gatilho emocional. Então, a gente busca a origem e faz a correção".

Doenças

A microfisioterapia também ajuda outras doenças como patologias crônicas que atingem os músculos, como por exemplo fibromialgia, gastrites, enxaquecas e alergias de pele e respiratórias.
Esse tratamento não tem muitas contraindicações, mas pessoas com doenças psíquicas tem que ter um certo cuidado. "Não é muito indicado para uma pessoa no meio de uma crise de pânico, porque ela já está com uma sobrecarga indicada. Isso não a impede de realizar a microfisioterapia, mas é um momento em que a pessoa está mais fragilizada, então vai precisar de mais energia e pode ser que se debilite mais", explica Barbosa Nogueira.

No Brasil, essa terapia é feita somente em clínicas particulares e a sessão pode variar entre R$ 150 a R$ 350. "Os convênios não reconhecem como procedimento fisioterapêutico, então é sempre particular", explica.

Próxima Matéria
Via   Vix  
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você


Fatos + Deezer (Podcast)

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+