Entretenimento

Curiosidades sobre Pompeia: a cidade que congelou no tempo

0

O Monte Vesúvio é um dos vulcões ativos da Europa, mas ele não é conhecido por sua atividade recente e sim sobre o que aconteceu séculos atrás, quando ele imortalizou uma cidade antiga, que serve de base para pesquisas e produções culturais até hoje.

As diversas erupções do Monte Vesúvio

A erupção aconteceu em 79 d.C, destruindo as cidades de Pompéia e Heracleion, mas não foi a única erupção do Monte Vesúvio. A verdade é que o vulcão entrou em atividade mais de 50 vezes! Em 2013, ele tinha 1281 metros de altura e, depois de cada explosão, o tamanho do vulcão se alterava. 

Localizado na cidade de Nápoles, o Monte Vesúvio é considerado um dos vulcões mais perigosos do mundo, justamente por conta dessa proximidade com milhões de pessoas que vivem por perto. Sendo um estratovulcão, ele libera magma, pedras, cinzas e gases tóxicos que podem causar grandes estragos tanto para Nápoles quanto para outros vilarejos.

O ciclo de erupção do Monte é a cada 20 anos, sendo que a última que causou danos sérios foi em 1944. Mas, em 79 d.C, ele entrou em erupção de uma forma histórica.

O terremoto de Pompéia

Pompeia foi estabelecida em 600 a.C. em uma região que já tinha altos índices de desastres naturais. Em 62 d.C, um terremoto catastrófico afetou a cidade, que estava se reerguendo lentamente desde então. 

O terremoto danificou o sistema de água da cidade, então reconstruções foram realizadas em diversos templos e prédios públicos. O historiador Sêneca documentou que os terremotos duraram dias e também danificou seriamente a cidade de Heracleion. Além disso, causou leves danos à cidade de Nápoles. Vários pequenos terremotos aconteceram nos anos subsequentes também.

Justamente por conta da regularidade da atividade sísmica, os moradores não deram atenção aos terremotos que atingiram as cidades de Pompeia e Heracleion. Então, as pessoas estavam completamente despreparadas quando a erupção ocorreu pouco tempo depois do meio dia de 24 de agosto.

O que é um vulcão?

Assim sendo, eles nem tinham conhecimento do que era um vulcão. Quando viram fumaça saindo do topo da montanha, ficaram confusos. Ironicamente, no dia anterior, estavam comemorando um festival dedicado ao Deus do Fogo. 

Autores romanos escreveram que a explosão parecia ser uma árvore gigante com galhos de cinza, fumaça e pedras. Em Pompeia, o céu estava tão escuro e cheio de detritos que o sol estava bloqueado às 13h. Algumas pessoas tentaram limpar as cinzas dos tetos, que acumulavam 15 centímetros a cada hora.

Pouco tempo depois da meia noite, a lava cobriu a cidade de Heracleion. Cerca de 6 e meia da manhã seguinte, uma correnteza de magma cobriu a cidade de Pompeia.

Assim, a maior parte das vítimas faleceu instantaneamente quando o ar extremamente quente queimou seus pulmões e contraiu seus músculos. Logo em seguida, a rocha derretida cobriu seus corpos, sendo imortalizados em posição fetal.

Descoberta atrasada

Incrivelmente, Pompeia só foi descoberta depois de quase dois mil anos. Como a cidade estava enterrada em cinzas vulcânicas, ninguém sabia que havia algo abaixo dos detritos.

A descoberta foi totalmente por acidente, quando o arquiteto Domenico Fontana achou uma inscrição da cidade perto das ruínas. Ele comunicou o achado e as escavações se iniciaram em 1631.

Pompéia próspera

Antes da destruição, Pompéia era uma cidade próspera, habitada pelos romanos mais influentes. Além de ser uma das maiores cidades, era muito desenvolvida, tanto que arqueólogos acharam grandes construções, casas luxuosas e teatros.

Um dos maiores negócios da cidade era o mercado marítimo e, tendo um porto, o local recebeu muitos navios e mercadorias. Outro motivo que proporcionou a prosperidade era a terra fértil, o que favoreceu a agricultura e causou a migração de muitas pessoas. 

Bordéis

Sinalização em Pompeia

Reprodução

Uma informação pouco conhecida é que Pompeia era famosa pelos bordéis! O comércio sexual era movimentado, tanto que é possível encontrar figuras fálicas ao redor das ruínas, muitas vezes indicando onde teria um bordel. 

Essas coisas só existem em Dubai!

Matéria anterior

Como o FBI pegou o hacker mais procurado da história

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos