Fatos NerdNotícias

Dragon Ball Super – Anime homenageia dubladora de Bulma após falecimento

0

Você provavelmente cresceu escutando a voz de Wendel Bezerra falando “Oi, eu sou Goku!”, então, já imaginou se de uma hora pra outra ele não pudesse mais dublar o personagem e outra pessoa assumisse o trabalho? Dublagem é coisa séria! Esses profissionais usam apenas suas vozes para atuar como nossos personagens favoritos e não é de se estranhar o afeto que os fãs de anime criam pelos dubladores de seus personagens favoritos. Se aqui no Brasil já temos esse reconhecimento, no Japão eles levam o trabalho de dublador muito mais a sério. Por isso, após a morte da dubladora original de Bulma, um episódio de Dragon Ball Super prestou as suas devidas homenagens à dubladora.

Hiromi Tsuru, que tinha 57 anos, foi encontrada inconsciente em um carro na Shuto Expressway em Tóquio. O veículo estava parado com luzes ligadas e ela usava o cinto de segurança. O corpo da dubladora não tinha ferimentos externos, o que pode indicar que sua morte foi devido a uma doença.

Confira a homenagem do anime à dubladora de Bulma

Numa tela completamente negra estão os seguintes dizeres em branco:

“Hiromi Tsuru, que fez a voz de Bulma de Dragon Ball por muitos anos, morreu. De crianças a adultos, Tsuru deu para muitas pessoas coragem e alegria. E, do fundo de nossos corações, oramos para que ela descanse em paz”

Além de dublar Bulma, Hiromu Tsuru também por seu trabalho como Dokin-chan em Anpaman, Ukyo Kuonji em Ranma 1/2, Reiko Mikami em Ghost Sweeper Mikami e Meryl Strife em Trigun. Ela também trabalhou como dubladora em jogos, por exemplo, na personagem Naomi Hunter de Metal Gear Solid.

Lamentamos a morte da dubladora e esperamos que ela descanse em paz. É tudo o que podemos fazer. Infelizmente, não existem esferas do dragão no mundo real para poder trazê-la de volta. Obrigada por tudo, Hiromu Tsuru!

É pra isso que serve a linha branca atrás do iPhone

Matéria anterior

Dragon Ball – Akira Toriyama aparece em foto inédita

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos