E se o seu celular cair no vaso sanitário? Veja o que fazer

POR Magno Oliver    EM Ciência e Tecnologia      14/09/15 às 17h08

Os celulares são um dos objetos que oito em cada 10 pessoas possuem, atualmente. Ter um aparelho  de última geração, por exemplo, é o desejo de muitas pessoas por conta de seus modernos recursos, design arrojado e bonito, entre outros fatores.

Os modernos smartphones são tão comuns na vida dos indivíduos que até os padrões de bloqueio que os usuários utilizam chegam a ser quase sempre iguais. Aqui no site da Fatos Desconhecidos, nós já exibimos para você uma matéria sobre os padrões de bloqueio dos celulares Android que as pessoas mais utilizam(Clique aqui e confira a matéria).

E uma novidade que foi lançada a alguns anos é o recurso da prova d'água para a estrutura de celulares. Só que essa novidade tem um preço muito salgado e ainda não é tão acessível assim para todos.

E o que mais acontece, hoje em dia, é a queda de celulares na água, piscina, privada entre outros lugares. E o que fazer quando o celular que não possui recurso à prova d'água e cai, acidentalmente, ou em momento de azar mesmo em uma privada ou ambiente com água? Como proceder?

Depositphotos_51568155_s

A primeira coisa que você deve fazer, quando o seu utilitário para chamadas e mensagens estiver dentro da água, é tirá-lo de onde ele caiu e desligá-lo o mais rápido possível(se estiver ligado, claro).

Segundo o professor de Engenharia Elétrica do Centro Universitário FEI(Fundação Educacional Inaciana) Marcelo Zanateli, "Deixá-lo ligado aumenta as chances de ele entrar em curto circuito. A água funcionará como condutora elétrica. Pode até sobrecarregar a bateria e fazer o aparelho superaquecer".

b1d058abc5a8ac25efb3fa1164afb65f

Depois de desligado, o segundo passo, segundo especialistas, é secar o excesso de água no telefone móvel. Para isso, você vai retirar todas as partes removíveis do seu celular, desde cartão de memória, chip até a bateria.

Em seguida, coloque a carcaça em um pano seco ou uma toalha e ponha para secar. Colocar a carcaça em um montinho com arroz cru também ajuda bastante, pois o arroz é ótimo para tirar a umidade.

curiosidades14-g-20120215

O tempo de secagem será de 24 a 48 horas. Esqueça um pouco que ele existe e deixe o aparelho secando. Só depois desse prazo, coloque todas as partes removíveis de volta e ligue o aparelho. Segundo o especialista, "Usar o secador, só se for com jato frio. 

Também não recomendo deixar o aparelho em um recipiente com arroz, pois suas micropartículas podem acabar entrando nos orifícios do aparelho".

Por último você vai ligar o aparelho. É importante que você avalie bem se não há nenhum sinal de água, pois pode gerar curto no celular. Confira direitinho se ele está completamente seco. Se caso ele não ligar, pode ser que a bateria tenha acabado a carga.

Conecte o carregador e aguarde alguns minutinhos para ele dar carga à bateria. Caso contrário, troque a bateria que molhou por uma nova.

img_como_secar_um_iphone_que_caiu_a_agua_2401_orig

Se mesmo assim ele não funcionar, pode ser que ele tenha acumulado resíduos de oxidação na placa principal. A água é bastante agressiva com eletrônicos, pois o oxigênio contido nela acaba entrando em processo de reação com partes de metal do aparelho e cria uma película de oxidação que impede o contato elétrico.

Se isso acontecer, leve seu celular a uma assistência técnica que lá eles irão desmontar o seu aparelho e remover os resíduos de oxidação. Nem tudo está perdido, ainda.

Magno Oliver
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+