Curiosidades

Gato viaja 77 km em motor de carro

0

Seria Nino o gato de estimação do Tom Cruise? Surge essa pergunta porque o felino de Praia Grande fez a missão impossível de viajar 77 km no motor de um carro. Sendo assim, ele foi parar na capital paulista São Paulo, onde foi encontrado graças a uma revisão mecânica no veículo. O caso aconteceu no dia 11 de maio e o final feliz da devolução aos donos se deu na terça-feira (17).

Fonte: Antônio Cassimiro / PG no grau

Nino e suas ideias

De início, o dia 11 de maio parecia mais um comum na família de Francis Carla Anselmo, moradora de Praia Grande. A mulher acordou por volta das 7 horas da manhã, pegou sua moto e foi levar o filho até a escola.

Porém, durante a saída pela porta, o gato Nino aproveitou a deixa para respirar um ar fora do apartamento na Vila Guilhermina. Nesse sentido, Francis e seu filho não perceberam a movimentação de fuga do pet, logo, seguiram seus trajetos sem recolocar o felino dentro de casa.

Sendo assim, Nino ficou vagando pelo hall do prédio residencial, até chegar ao apartamento vizinho. Neste lugar, mora a mãe de Francis, a qual ainda estava dormindo na hora do pedido de abrigo do gato.

Portanto, diante de si, o felino viu fechadas as duas portas em que ele costuma entrar com facilidade. Logo, só restou ao animal a ideia de descer as escadas e esperar embaixo do carro de sua tutora.

Fonte: Pixabay

Posteriormente, por volta das 9 horas da manhã, Francis e sua mãe foram ao médico no mesmo carro em que o gato estava escondido. Depois de três quadras, as ocupantes do veículo ouviram um forte barulho na hora em que fizeram a curva de uma rotatória. Basicamente, parecia que elas atropelaram algum bicho, no entanto, era apenas Nino sendo ejetado da estrutura.

“Fiquei preocupada, aí minha mãe falou que parecia que algo tinha caído do carro. Não vi mais o gato pelo retrovisor e dei a volta no quarteirão, procurando, mas não vi mais nada”, relata Francis.

Bora ali na capital?

Em seguida, ao retornar da consulta médica, a cuidadora notou a falta do gato em seu apartamento. Imediatamente, ela resolveu fazer uma busca nas dependências do condomínio em que mora, porém, não teve sucesso. Por isso, ela utilizou as câmeras de monitoramento.

“Foi aí que eu vi tudo. Vi que ele desceu e ficou escondido no carro. Quando eu vi pelas câmeras, sai, rodei perto da Praça da Paz, levei pote de ração e fiquei chamando”, conta ela.

Sem sucesso, ela colou cartazes em postes à procura de seu querido pet. Por sorte, essa estratégia de comunicação deu muito certo. Isso porque, na manhã do dia 17 de maio, uma mulher lhe ligou dizendo ter encontrado o fujão.

Fonte: Antônio Cassimiro / PG do Grau

Diferente do que pensava Francis, o animal não estava aos arredores de sua casa. Ao contrário, ele estava na capital São Paulo, a 77 km de distância de Praia Grande. Então, agora era só buscar o bicho com a pessoa que entrou em contato, porém, a viagem dele até a metrópole ainda era um mistério na cabeça da cuidadora.

Por fim, tudo recebeu explicação. De acordo com a mulher que achou o felino, ela saiu da baixada santista e foi até a capital fazer a revisão de seu carro. Nesse sentido, na hora de abrir o capô, o mecânico apontou a surpresa de ver um gato no capô do veículo. Foi então que começou uma mega-operação para tirar Nino daquele lugar em que ele se enfiou.

A princípio, a dona do automóvel pensou em deixar o bichano em São Paulo mesmo. Todavia, ela viu que Nino era bem cuidado e imaginou que houvesse algum dono lamentando a sua perda. Ela estava certa, pois lá em Praia Grande, Francis e família viviam um forte desespero.

“Estávamos aflitos. Me sentia culpada porque achei que tinha atropelado o gato e porque não verifiquei que ele estava embaixo do carro. Nunca imaginei que ele fosse se enfiar lá”, diz aliviada a tutora do animal.

Fonte: G1.

Ator de ‘Power Rangers’ é preso acusado de fraude em auxílio emergencial nos Estados Unidos

Matéria anterior

Símbolo da espiral atrai a humanidade desde a pré-história

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos