Curiosidades

Governo japonês está usando inteligência artificial para promover encontros entre solteiros

0

A velocidade de crescimento do campo da tecnologia está tão rápida, que logo levanta uma questão: a inteligência artificial é apenas parte da ficção científica ou já é algo comum na nossa sociedade?

inteligência artificial (IA) é uma tecnologia que possibilita que máquinas adquiram conhecimentos por meio de experiências, se adaptem às condições e consigam desempenhar tarefas como os seres humanos. Parece uma ideia promissora. Mas assim como os robôs, ainda existe uma certa preocupação sobre o quanto esse tipo de tecnologia pode evoluir. E claro, se isso significaria que as máquinas podem ultrapassar os seus criadores.

A comunicação, entre robôs e seres humanos, tanto no ambiente real, quanto na internet, já tem acontecido através de recursos da inteligência artificial. Até onde essa inteligência pode chegar, ninguém consegue dizer. Mas que ela vem, revolucionando o mundo dos humanos, isso é real.

As coisas que a IA vêm conseguindo fazer com o passar do tempo tem aumentado e cada vez mais impressionando as pessoas. Agora, o governo japonês está com planos para intensificar os esforços para conter a baixa na taxa de natalidade do país. Para isso, o governo do país está ajudando a financiar sistemas de inteligência artificial para formar casais.

No Japão, o número de nascimentos caiu  5,8%, em 2019. O número total foi de 865 mil, o menor número anual de todos os tempos. Dois fatores influenciaram muito nesses números tão baixos. A diminuição dos casamentos e as pessoas se casando mais velhas.

Taxa de natalidade

O Japão já tem uma história antiga de pessoas que atuam como cupido. E nada mais justo, que as formas de atuação como cupido, também se modernizassem e acompanhassem os novos tempos.

Os governos locais já começaram a usa sistemas de inteligência artificial para conseguir formar casais. No entanto, muitos consideram somente critérios como renda e idade. Então, eles só conseguem produzir resultados se tiver uma correspondência exata.

Contudo, esse mais novo investimento governamental irá permitir o acesso a sistemas que conseguem unir as pessoas a um  parceiro em potencial. E ele faz essa união, mesmo se as opções pessoais de renda ou idade não corresponderem.

Várias prefeituras do Japão já usam esse sistema que leva em consideração também os hobbies e valores das pessoas. Dessa forma, ele consegue dar uma gama maior de resultados. Entretanto, eles podem ser caros.

Sistema

Um exemplo disso foi Saitama, que fica ao norte de Tóquio. A cidade gastou 15 milhões de ienes, que é cerca de 735 mil reais, em 2019. E no ano, aproximadamente 21 casais se casaram.

Segundo os dados do governo japonês, o número de casamentos no país caiu em 200 mil de 2000 até 2019. Por isso, o governo federal vai garantir cerca de 60% do custo dos sistemas de inteligência artificial mais elaborados

Nova temporada de The Promised Neverland ganha imagem inédita

Matéria anterior

CD Projekt Red pede desculpas pelos problemas em Cyberpunk 2077 e promete reembolso

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos