• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Imagem mostra exato momento em que uma baleia quase 'engole' um leão-marinho

POR Jesus Galvão    EM Mundo Animal      05/08/19 às 14h14

A vida em meio à natureza selvagem pode ser bem complexa. Um dia, se é o caçador, e no outro, você facilmente pode vir a se tornar a caça. A dança entre a vida e a morte no reino animal não cessa. Muitas vezes, alguns segundos definem entre se estar vivo ou morto.

Agora, imagine-se tendo a oportunidade de capturar e eternizar em uma fotografia o exato momento em que um leão-marinho é engolido por uma baleia. E foi exatamente isso que aconteceu com o fotógrafo de vida selvagem, de 27 anos, e biólogo marinho, Chase Dekker.

Tudo aconteceu durante um passeio de barco, no qual estava presente o fotógrafo, junto de alguns observadores de baleias. O passeio aconteceu pelas águas da Baía de Monterey, na Califórnia (EUA). Dekker conseguiu capturar o exato momento em que uma baleia jubarte estava prestes a engolir um leão-marinho. Esta é a primeira vez que algo do tipo é registrado dessa forma.

"Não era um grupo grande. Apenas três jubartes e cerca de 200 leões-marinhos", disse Dekker ao programa de rádio Newsbeat, da BBC. Ainda segundo o biólogo, ele já viu grupos de até 100 baleias acompanhadas de 3 mil leões-marinhos. "É algo que pode ficar realmente insano", afirmou.

O raro registro ocorreu enquanto um grupo de leões-marinhos caçava peixes ao lado do pequeno bando de baleias. De repente, tudo tomou um rumo inesperado. A baleia emergiu das profundezas para engolir os peixes que nadavam próximo à superfície.

Por alguns segundos, quando a baleira abriu a boca, algo muito maior do que apenas os peixes acabou entrando. "Nós estávamos assistindo eles se alimentando por um longo tempo, e então, eventualmente, tudo aconteceu - o que eu chamo de evento único na vida, e eu ainda não consigo acreditar", disse o fotógrafo.

"Eu tive cerca de uma fração de segundo enquanto a baleia estava subindo para realmente compreender que o leão-marinho estava no topo da baleia antes de filmar o resto da seqüência".

Raro momento

Entretanto, o pequeno mamífero foi poupado do trágico destino. Segundo uma publicação de Dekker, no Facebook, ele estava "100% confiante" de que o leão-marinho escapou, porque "a baleia manteve a boca aberta quando afundou novamente no mar", escreveu ele. "Minutos depois, a baleia estava se alimentando novamente e tenho certeza de que o leão-marinho também estava", acrescentou Dekker.

Mas, na verdade, seria impossível que a baleia engolisse algo tão grande quanto um leão-marinho. Esses animais, apesar de pequenos perto do tamanho de uma baleia, podem chegar a pesar 453 kg. As gargantas das jubartes têm apenas alguns centímetros de largura. Porém, elas podem se estender até cerca de 38 centímetros de diâmetro, de acordo com o National Geographic.

De acordo com Dekker, animais como baleias, leões-marinhos, golfinhos e tubarões evoluíram para caçar juntos. Para ele, este é um evento raro e algo com o qual não precisamos nos preocupar. O biólogo costuma levar pessoas para nadar com as baleias jubartes em Tonga, e afirmou que não há risco de uma pessoa acabar sendo engolida por uma baleia.

"Nós nadamos com as jubartes, mas, como é uma região de reprodução, não estão lá para se alimentar", disse ele. "Quase nunca abrem a boca enquanto estão lá." Porém, segundo ele, é sempre bom estarmos atentos. "No ano passado, tivemos alguns encontros nos quais as baleias quase pularam em cima da gente", disse. "O perigo é quando saltam para fora da água".

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+