Notícias

Jovem descobre que mãe falecida foi professora do namorado

0

Um vídeo compartilhado por uma jovem australiana de 18 anos mostra como ela achou uma foto de sua mãe, que tinha morrido 11 anos antes, no álbum de infância de seu namorado. O momento viralizou no TikTok e a publicação já foi vista mais de 60 milhões de vezes.

A descoberta ocorreu quando Lea Menzies foi conhecer a família do seu novo namorado. Na ocasião, a sogra começou a mostrar fotos de infância do filho, Thomas McLeodd.

“A mãe dele estava me mostrando que ele fazia uma cara boba em todas as fotos da escola. Ela achava engraçado”, disse Lea em entrevista ao programa de TV dos EUA “Today”, do canal NBC.

O namorado não ficou com vergonha e foi pegar a foto para Lea. Ele aparecia na imagem ao lado de outras crianças e de uma professora do jardim de infância.

Thomas, que já tinha visto fotos antigas da namorada com a mãe, que morreu quando ela tinha sete anos, percebeu a coincidência. Logo que viu a foto da mãe com o namorado, Lea começou a chorar.

“É incrível que ela o tenha conhecido. O que me pega é que ela estava lá com o meu futuro namorado e não tinha nem ideia”, ela disse.


De acordo com o canal, Thomas afirmou que não se lembra da professora, pois tinha apenas três anos de idade. Já a mãe dele diz que lembra que ela era “gentil e carinhosa”. 

Veja o vídeo:

@speccyleeFound out through this photo in his photo album. A moment straight out of a movie 🥲♬ iris – 🫶

“Eu achando que minha mãe (que morreu quando eu tinha 7 anos) nunca ia conhecer meu futuro namorado”, diz ela no vídeo. “Descobri que ela foi professora dele no jardim de infância.”

Mãe viraliza depois de zoar filha em jogo de futsal: “Péssima de bola, mas é minha filha”

Foto: Reprodução/ Redes Sociais/ G1

Outra história envolvendo mães que viralizou ocorreu em Goiás. A vendedora Renata Nunes chamou atenção na web depois de “zoar” a filha Andressa Mendes durante um jogo de futsal em Anápolis, a 55 km de Goiânia.

O vídeo já possui mais de 1,5 milhão de visualizações no TikTok, e nele, a mãe sorrindo aponta para a menina e diz:

@renatanunes076♬ som original – Renata Nunes

“É péssima de bola, mas é minha filha. Não joga nada, mas é minha filha. Apoie seus filhos”.

Renata disse, de acordo com o G1 Goiás, que gravou o vídeo durante o campeonato interclasse do colégio em que Andressa faz o 3º ano do ensino médio, no último dia 23 de junho.

A garota faz parte do time reserva e acabou entrando na partida porque duas jogadoras faltaram.

“No vídeo ela está no gol, mas não é goleira. Era um vídeo para zoar, para dizer que ela é reserva e ia atrapalhar o time”, disse mãe.

A filha

Foto: Reprodução/ Redes Sociais/ G1

Surpresa com suas “habilidades” terem feito um grande sucesso na internet, Andressa disse que nunca imaginou que o vídeo gravado pela mãe tomasse essa proporção. A estudante também afirmou que não viu a mãe gravando o vídeo, só depois que já estava no perfil dela na rede social.

“A goleira queria fazer alguns lances e eu fui pro gol. Fiquei muito surpresa, nem vi ela gravando, quando vi depois do jogo, comecei a mostrar para algumas amigas e elas começaram a compartilhar também”, afirma Andressa.

Apesar da zoeira, a mãe afirmou que a filha jogou muito bem como titular no campeonato escolar, ganhando medalha de prata pelo segundo lugar. Logo em seguida, ela compartilhou um vídeo mostrando a medalhista.

“Os amigos dela me seguem e eu postei para brincar. Ela jogou muito bem e o time dela ficou no segundo lugar, ganhando medalha de prata. Meu orgulho”, finalizou a mãe.

Fonte: G1, G1 Goiás

Menino autista tem crise em ótica e funcionárias o acalmam

Matéria anterior

Brasil está entre países que mais fazem cirurgias plásticas. Veja o ranking

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos