• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Mito ou verdade? Casais realmente engordam mais que pessoas solteiras?

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      25/04/19 às 14h41

Pode parecer um pouco surreal a ideia de que casais felizes engordam mais do que pessoas solteiras. Mas, surpreendentemente, existem evidências científicas que corroboram com essa afirmação. A Organização Mundial da Saúde classificou a obesidade como um dos grandes fatores de risco para a saúde da população mundial. Com isso, vários estudos têm sido feitos nessa área para tentar entender as causas do problema.

Segundo vários desses estudos, os casais que relataram estar felizes e satisfeitos com seus respectivos relacionamentos/casamentos têm uma maior probabilidade de ganhar peso. Enquanto pessoas solteiras não apresentam o mesmo risco. Então a resposta para essa é pergunta é sim, casais felizes podem engordar mais do que pessoas solteiras.

Ganho de peso

Uma pesquisa feita pela Universidade da Carolina do Norte avaliou o peso de mais de 8 mil pessoas. E mostrou que uma mulher casada pode ganhar em média 10 quilos nos primeiros 5 a 6 anos de casamento. Outro fator observado foi que as mulheres que moravam com os seus respectivos parceiros, mas não eram casadas, engordavam cerca de 9 quilos. Já as mulheres que namoravam, mas não moravam junto do parceiro, ganhavam apenas 5 quilos a mais.

Quanto aos homens, o estudo mostrou ainda que eles ganharam mais peso no começo do relacionamento. Os homens que moravam juntos com a parceira por mais de dois anos tinham duas vezes mais chances de ganhar mais do que 25 quilos, do que aqueles que não moravam com a parceira.

Por fim, o estudo chegou à conclusão de que existe sim, uma forte ligação entre relacionamentos românticos e o ganho de peso. Mesmo que o ganho de peso seja evidente nos relacionamentos amorosos de longo prazo, isso também teve um fator positivo. Os casais também demonstraram uma disposição maior em busca de um estilo de vida mais saudável. Foi observada ainda uma diminuição significativa no tabagismo e no abuso de álcool.

Hábitos e convivência

Outras pesquisas sobre o tema foram feitas pelo Instituto Nacional de Saúde. O intuito era saber se o ganho de peso em casais recém casados era um reflexo positivo ou negativo de sua felicidade. O estudo analisou casais que estavam casados há mais de quatro anos. Além do peso, foram analisados ainda a saúde emocional e os níveis de estresse. Os resultados mostraram que os casais recém casados tinham duas vezes mais chances de ganhar peso. Em contrapartida, os casais que demonstraram não estarem felizes com seus respectivos parceiros, tinham menor probabilidade de engordar.

Uma explicação para isso é que os casais felizes ganham mais peso por não terem mais a necessidade de atrair outro parceiro. Além de se sentirem mais felizes com o próprio corpo.

Em outro estudo, agora feito pelo New England Journal of Medicine, mostrou que o ganho de peso pode ser contagioso em casais. Se um parceiro engorda, o outro tem 37% de chance de engordar também. Isso é explicado pelo fato de que casais tendem a se adaptar aos hábitos cotidianos um do outro. Um comportamento natural, já que eles passam muito tempo juntos. Levando em consideração que os casais com problemas no relacionamento evitam passar muito tempo juntos, então fica mais difícil que eles tenham os mesmos hábitos alimentares.

Mas é claro que isso são alguns dados recolhidos a fim de tentar entender melhor como funciona a obesidade. Mesmo que sejam estudos feitos por profissionais de saúde, eles mostram apenas uma parcela da população. Não se trata de uma verdade absoluta aplicável a todo mundo. São comportamentos comuns a uma grande parte das pessoas, mas sempre existem as exceções.

E você, o que acha disso? Conhece algum casal que engordou depois que começou a namorar? Conta para a gente nos comentários.




Matérias selecionadas especialmente para você

Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+