O que aconteceria se a Terra caísse em um buraco negro?

POR Magno Oliver    EM Ciência e Tecnologia      16/02/16 às 19h23

Os buracos negros espaciais são assuntos que geram muita polêmica no meio da ciência. Eles são fenômenos impressionantes de serem observados.

Segundo o site Terra, "um buraco negro é um corpo celeste de massa muito grande para o espaço que ocupa, resultando um campo gravitacional tão forte do qual nem sequer a luz pode escapar".

Esse fenômeno cósmico surge quando uma estrela entra em colapso e o restante de sua matéria fica limitada a um lugar pequeno e que logo começa a gerar um campo gravitacional gigante.

a8da8950-83e2-11e5-9bc2-0b9f99781d24_buraco-negro-supermassivo

Eles são invisíveis por emitirem radiação e podem produzir movimentos em corpos ao seu redor. E já pensou o que aconteceria se o planeta Terra caísse em um buraco negro?

O buraco negro realiza um efeito chamado "Spaghettification" que faz com que o que se aproxime dele estique para fora no mesmo sentido que um espaguete que acontece por conta de um gradiente de gravidade através do seu corpo.

blackhole1a_wide-7ee72dbf78e99e35e09cf719b0596343796579fe-s900-c85

E se o planeta Terra chegasse a cair em um buraco negro, a consequência seria gravíssima. A explicação é que os mesmos efeitos gravitacionais que fazem com que o spaghettification aconteça geraria um efeito no nosso planeta.

A borda do nosso planeta seria atraída para o buraco negro e receberia uma carga de atração muito maior em uma extremidade. Daí então a condenação do planeta Terra estaria feita.

Um buraco negro é quase impossível de visualizar porque eles não emitem, mas em contrapartida possuem uma força gravitacional exercida sobre os corpos que é impressionante.

Confira como seria a simulação do efeito que te explicamos neste vídeo:

Você já ouviu falar de um buraco negro? Mande seu comentário para gente!

Via   terra     Youtube     iflscience  
Imagens npr yahoo
Magno Oliver
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+