• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Panda albino raríssimo é fotografado na China

POR Jesus Galvão    EM Mundo Animal      29/05/19 às 15h17

Recentemente, uma imagem acabou por chamar muita atenção na internet. Um raro panda gigante albino é visto em meio ao que parece ser uma floresta. Em meados de abril, o animal havia sido documentado no sudoeste da China. A imagem capturada do panda foi feita usando uma câmera infravermelha na Reserva Natural Nacional de Wolong, em Wenchuan, na província de Sichuan, na China. Tal província está localizada em uma altitude de 2 mil metros.

O enorme bicho tem pelagem e garras brancas e olhos vermelhos, o que deu todas as indicações de que uma mutação genética rara foi responsável por sua coloração única. "A julgar pelas fotos, o panda é um albino de um a dois anos", disse Li Sheng, pesquisador da Universidade de Pequim e especialista em ursos, à publicação chinesa Xinhua. "O panda parecia forte e seus passos estavam firmes, um sinal de que a mutação genética pode não ter impedido sua vida".

O panda albino

O albinismo acontece quando um animal não tem melanina, pigmento marrom escuro ou preto que dá cor aos cabelos, pelos, pele e olhos nas pessoas e animais. A falta desse pigmento, que nos protege do sol, pode tornar um animal bastante sensível à luz solar. O que pode vir a resultar em danos graves à pele e aos olhos.

Entretanto, em um comunicado feito imprensa emitido pela reserva, enfatizou que uma análise especializada das fotografias sugere que a mutação "pode não afetar a vida normal do panda". Estes animais são facilmente encontrados em meio as florestas de bambu na China. O que lhes confere uma certa proteção do sol devido as folhas largas.

O gênero do panda fotografado não pôde ser definido pelos profissionais que fizeram as análises. No entanto, a reserva acrescentou que sua presença indica que pode haver um gene mutante presente na população de pandas gigantes em Wolong. Não ficou claro se o gene herdado de forma recessiva será transmitido para futuras gerações da espécie.

Bebês albinos e as ameaças

Apenas quando ambos os pandas pais carregam o gene é que ele ira se revelar em seus descendentes. Caso esse panda albino acasalasse com uma panda normal, sua primeira geração ainda conservaria as adoráveis cores características da espécie e que todos amamos. Mas, se a segunda geração de descendentes também carrega o gene e se acasala com um outro panda portador do gene da mutação, então é possível que outros bebês pandas albinos nasçam nos próximos anos.

A Reserva Natural Nacional de Wolong é uma das maiores e mais conhecidas reservadas de pandas da China. Devido a seu clima quente e úmido, grandes quantidade de bambu são produzidas. E todos nós sabemos qual é a comida preferida desse mamífero fofinho, não é mesmo?

Porém, nem tudo é tão belo quanto essas pequenas (grandes) criaturas. Os pandas gigantes foram listados como vulneráveis na Lista Vermelha da União Internacional para Conservação da Natureza. Atualmente, existem apenas entre 500 a 1000 indivíduos maduros conhecidos.

Os pandas gigantes vivem apenas nas florestas da China e estão sob ameaça devido as mudanças climáticas. Além de outras ameaças como a poluição, a atividade humana e os desastres naturais.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+