As profissões mais felizes e as mais infelizes do mundo

POR Thamyris Fernandes    EM Curiosidades      23/09/14 às 01h28

Não é só uma questão de salário. Ás vezes as pessoas que ganham mais são as mais infelizes na carreira, sabia? Isso porque, embora muita gente goste do que fez para viver, há outro tanto de pessoas que não suporta levantar a cabeça do travesseiros todos os dias, pensando no que as esperam no trabalho.

Mas, afinal, quais são esses profissionais que estão mais felizes ou mais infelizes com suas profissões?

Para desvendar essa questão, o site americano CareerCast - especializado em debates do mundo corporativo - pediu a opinião de quase 10 mil de seus usuários. Na pesquisa, o site pediu que os profissionais avaliassem o nível de felicidade, usando notas de um a cinco, em oito categorias profissionais diferentes (Clique aqui para conhecer ainda quais as profissões mais agonizantes de todos os tempos).

Confira na nossa lista abaixo e descubra qual foi o resultados desse levantamento:

- Os mais felizes

2

1. Desenvolvimento de software

O profissional mais feliz de todos. A categoria dos desenvolvedores de softwares recebeu a pontuação de 4.014.

2. Rádio e TV

O segundo lugar foi para os profissionais responsáveis pela programação das emissoras de rádio e de TV. Eles tiveram 3.978 pontos.

3. Educação

Na terceira posição do ranking da felicidade, os profissionais da saúde contam com 3.954 pontos.

4. Gestão de empresas

Os gestores fazem parte da área de trabalho que aparece na quarta posição em ''felicidade'', com 3.898 pontos.

5. Cinema

O pessoal responsável pelas produções cinematográficas, de inúmeras funções, aparecem na quinta posição. A pontuação desses profissionais foi de 3.846.

- Os mais tristes

1

1. Administração

Os profissionais da área são os mais tristes. A pontuação foi de 3.304.

2. Comércio atacadista

A segunda profissão mais triste da lista, os comerciantes atacadistas, que apareceram com 3.332 pontos.

3. Mercado imobiliário

Os profissionais do mercado imobiliários são os terceiros mais tristes da lista. A área recebeu 3.338 pontos.

4. Comércio varejista

No ranking de tristeza, os profissionais do varejo receberam 3.474 pontos.

5. Serviços de alimentação

Mas, nenhum outra área de trabalho da lista é tão triste quanto os que atuam no seguimento da alimentação. Ao todo, eles somaram de 3.486 pontos.

Thamyris Fernandes
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+