Curiosidades

Terra tem finalmente 5 oceanos oficiais depois de quase um século

0

Assim como nós, humanos, o nosso planeta também está constantemente em evolução ou retrocesso, infelizmente. Agora, nosso planeta finalmente teve o reconhecimento popular do seu quinto oceano. Essa foi uma decisão da “National Geographic Society” que adicionou o chamado Oceano Antártico, que fica, claro, ao redor da Antártia, aos outros  quatro oceanos que todos já conhecem: o atlântico, pacífico, índico e ártico.

Por mais que essa ideia de que as águas em volta do continente gelado formavam um oceano diferente seja difundida há quase100 anos e já até era usada pelos cientistas, até agora ela não tinha o apoio popular,

Oceano

Contudo, no dia oito do junho, que é o Dia Mundial dos Oceanos, a sociedade anunciou que nomearia o Oceano Antártico como o quinto oceano dos mapas da Terra.

“O Oceano Antártico há muito é reconhecido pelos cientistas, mas como nunca houve um acordo internacional, nunca o reconhecemos oficialmente. É uma espécie de nerdice geográfica em alguns aspectos”, disse o geógrafo oficial da sociedade, Alex Tait.

O reconhecimento desse quinto oceano teria o seu maior impacto na educação. “Os alunos aprendem informações sobre o mundo dos oceanos por meio de quais oceanos você está estudando. Se você não incluir o Oceano Antártico, então você não aprenderá os detalhes dele e quão importante é”, explicou o geógrafo.

Foi em 1915 que a National Geographic começou a fazer mapas. Mas nessa época, a sociedade tinha reconhecido apenas quatro oceanos que eram definidos pelos continentes que circundavam.

Observações

Diferente dos outros oceanos, o Oceano Antártico não é definido pelos continentes que o cercam, mas sim pela Corrente Circumpolar Antártica (ACC) que flui de oeste para leste.

Os cientistas acreditam que essa corrente foi criada há 34 milhões de anos, em uma época que o continente da Antártica se separou da América do Sul dando então espaço para que a água fluísse sem nenhum impedimento.

Atualmente, a ACC flui por todas as águas que estão ao redor da Antártica até aproximadamente 60 graus ao sul. Com exceção da Passagem de Drake e o Mar da Escócia, que estão aproximadamente entre o Cabo Horn da América do Sul e a Península Antártica.

Então, as águas da ACC, ou seja, a maior parte do Oceano Antártico, são mais frias e um pouco menos salgadas do que as águas do oceano ao norte. A ACC puxa água dos oceanos Atlântico, Pacífico e Índico para ajudar a levar uma espécie de correia de transporte global que leva calor ao redor da Terra enquanto a água fria e densa da ACC afunda e ajuda que o carbono seja armazenado nas profundezas do oceano.

Reconhecimento

O que o constitui exatamente um oceano ainda não foi acordado. A única coisa que foi acordada é que eles são os maiores corpos de água. Mas o Oceano Antártico foi definido como as águas no fundo do mundo que foram vistas, pela primeira vez, no começo do século XVI pelo explorador espanhol Vasco Núñez de Balboa.

No século XIX, várias nações marítimas estabeleceram autoridades hidrográficas para que informações a respeito dos oceanos para seus navios mercantes fossem publicadas. E o termo “Oceano Antártico” já apareceu nas primeiras publicações da Organização Hidrográfica Internacional (IHO), que foi formada em 1921.

E o termo tem sido cada vez mais usado conforme a importância e singularidade do Oceano Antártico se torna mais clara.

Esse portal conecta duas cidades distantes

Matéria anterior

7 sapatos mais desconfortáveis das famosas

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Mais em Curiosidades

Você também pode gostar