Curiosidades

Você dá descarga com a tampa aberta ou fechada? Ciência explica qual é melhor

0

Desde que as pessoas nascem elas são ensinadas determinados hábitos, quer eles sejam corretos ou não. Um deles é o de fechar a tampa do vaso sanitário antes de dar descarga. De acordo com um estudo publicado na revista Scientific Reports, esse hábito é essencial para que a pessoa não fique coberta de germes.

Para o estudo, os cientistas da Universidade do Colorado Boulder, nos Estados Unidos, usaram lasers verdes brilhantes para conseguir iluminar o ambiente. Através deles foram captados a liberação de uma nuvem de partículas, que consegue atingir mais de 1,5 metro acima do assento depois de dar a descarga.

Conforme os cientistas, dar descarga com a tampa do vaso aberta libera uma pluma de aerossol, que é uma nuvem grande de partículas de vapor cheia de bactérias e outros patógenos.

Dar descarga com tampa aberta ou fechada?

R7

No dia-a-dia, dar a descarga com a tampa do vaso aberta pode criar uma explosão de gotículas com patógenos perigosos, como no caso da E.coli, norovírus e até mesmo do coronavírus.

Isso foi dito também pelo infectologista Roberto Martins Figueiredo, nacionalmente conhecido como Dr. Bactéria. De acordo com ele, dar descarga com a tampa aberta,  “as bactérias ficam rodando por duas horas no banheiro e podem infectar escovas de dente, maquiagem”, ou demais produtos que estejam expostos.

Através de experimentos, os pesquisadores viram que as partículas da descarga têm a capacidade de disparar a uma velocidade de dois metros por segundo, o que faz com que elas atinjam 1,5 metro de altura acima do vaso sanitário em oito segundos. E mesmo que as gotas maiores se depositem nas superfícies em poucos segundos, as partículas menores ficam no ar por vários minutos.

Por conta disso que o estudo disse que os vasos sanitários em locais públicos tem que ter tampa e as pessoas tem que levar a sério o ensinamento  de fechar a tampa do vaso antes de dar descarga.

Outro ponto

Facebook

Em contrapartida, um estudo da Universidade do Arizona mostrou que fechar a tampa do vaso antes de dar descarga faz pouca diferença com relação à contaminação do ambiente. Nesse estudo, os cientistas disseram que “o benefício de fechar a tampa antes da descarga para reduzir a contaminação não foi demonstrado empiricamente”.

Para tirarem a prova, os cientistas liderados pela pesquisadora Stephanie Boone fizeram um experimento com a bactéria E.coli e o colífago MS2 e usaram o banheiro dentro de um escritório.

Como conclusão, eles viram que não existiu uma diferença estatística significativa entre as amostras que foram colhidas quando a tampa estava fechada e quando ela estava aberta. O que mais diferenciou essas duas situações foi a trajetória da nuvem de partículas. Quando tampa estava fechada, ao invés de ir para o alto, ela foi na direção do chão.

“Para a nossa surpresa, a contaminação por MS2 no assento do vaso, tanto na parte de cima como na de baixo, ficou baixa, independentemente de a tampa estar fechada ou aberta na hora da descarga”, escreveram os cientistas.

Na visão deles, como o experimento foi feito em um banheiro público, com descarga mais forte, as partículas foram lançadas mais longe de onde elas se originaram.

Outro ponto mostrado por esse estudo foi que usar desinfetante tipo lisofórmio antes de dar descarga, na água do vaso ou na hora de escovar a louça diminuem a contaminação. Por conta disso que ele dizem que a limpeza constante do vaso sanitário é especialmente importante no caso de uma pessoa na residência ter o sistema imunológico comprometido.

Fonte: O Globo

Imagens: R7, Facebook

Por que a Terra não gira exatamente em torno do Sol?

Artigo anterior

Frutas de 250 anos são encontradas “perfeitamente preservadas” em garrafas nos EUA

Próximo artigo