• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

12 coisas que você nunca deve dizer para uma grávida

POR Natália Pereira    EM Curiosidades      07/11/17 às 18h42

A curiosidade é uma das principais engrenagens do ser humano. Isso faz com que às vezes as pessoas excedam os limites da privacidade. Na maioria das vezes, cair nessa tentação pode ofender os outros, causar conflito e desconforto. Um dos motivos que mais atiçam a curiosidade dos outros é, justamente, aquele período delicado no qual a mulher está grávida e, portanto, mais sensível, devido o excesso de hormônios.

Por isso, quando se está grávida, independente da idade, não tem como evitar aquelas pessoas indelicadas te enchendo de perguntas das quais você não quer responder, afinal, se tratam de questões pessoais, cujo apenas os mais íntimos podem perguntar sem parecer invasivo. Foi pensando nessas "frases indelicadas" que selecionamos o que, com certeza, não se deve dizer para uma grávida se vocês não são íntimos e, em algumas delas, nem se esse for o caso.

1 - Ter um bebê agora vai estragar a sua vida!

Não é porque você acredita que ter filhos antes de uma certa idade, possa interferir na vida pessoal e profissional de uma pessoa que todos pensem assim. É indelicado presumir que isso vá acontecer e mesmo achar que a pessoa em questão não pensou nisso.

2 - Seu corpo era tão bonito!

É normal que o corpo mude no decorrer da gravidez, afinal, tem um bebê sendo gerado dentro da mulher, o que não significa que não possa ser bonito novamente após a gravidez, nem que não seja durante esse período. O padrão para um corpo magro já é muito exigido durante toda a vida de uma mulher, não precisa se aplicar em sua gestação, onde isso é quase impossível.

3 - Como seus pais reagiram a essa notícia?

Dependendo da idade em que a mulher engravida, essa pergunta é quase uma regra entre os indelicados. Uma das coisas mais difíceis nesse período são as críticas sociais e familiares voltadas para ela e o estado da sua relação com seus pais e o percurso da conversa são estritamente pessoais.

4 - Você sabe quem é o pai?

Se a grávida não se encontra em um relacionamento no momento e você não tem forte ligação com ela, nem com o possível pai, não tem nenhum motivo para que saiba de quem é o filho, além de poder se tratar de um assunto delicado.

5 - Agora sei porque você tem engordado tanto!

Mais uma vez, apelar para o físico de uma mulher grávida é realmente indelicado, além de estar afirmando que tem notado sua mudança corporal ainda insinua que estar grávida é a única justificativa "aceitável" para que ela saia do seu peso padrão.

6 - Você pretende sair com essa roupa?

Está aí uma coisa que NUNCA se deve dizer a uma mulher, independente de esta estar grávida ou não. A mulher pode usar o que ela quiser, desde que se sinta confortável com isso, e, estar grávida, não muda isso.

7 - Espero que esse seja mais comportado que o primeiro!

No caso da mulher já ter um filho, ao dizer isso, além de estar ofendendo o seu outro filho, ainda está insinuando sobre a sua forma de ensinar e educar seu filho, ou que sua genética, advinda do pai ou da mãe, fez com que ele não fosse comportado.

8 - Ele(a) foi planejado(a)?

Independente de ter sido planejado ou não, o fato é, ela está grávida e terá que se organizar para a chegada da criança mesmo que este não fosse o plano inicial, apenas com alguns empecilhos e dificuldades a mais do que se fosse planejado, porém, não mudara em nada saber ou não essa resposta.

9 - Vai comer tudo isso?

É sempre bom lembrar que a mulher, estando grávida, se alimenta por dois, afinal, a criança ira se apropriar da sua alimentação para se formar. O que faz com que essa pergunta, além de sem sentido, implique mais uma vez em seu corpo e na ideia de como este deve ser mantido.

10 - Vai sair do trabalho depois que tiver o bebê?

A menos que você tenha alguma ligação com o trabalho dessa pessoa, ou uma relação próxima a pessoa, a sua escolha de permanecer sua profissão ou optar por cuidar do seu filho, de forma integral, é uma escolha estritamente pessoal e precisa ser respeitada.

11 - Pra quê tanta coisa? Não precisei de nada disso para cuidar do meu filho!

Independente de não ter precisado ou não ter tido a oportunidade de comprar alguns "facilitadores", não significa que outras pessoas, que tenham essa condição, não julguem necessários, nem úteis, objetos que venham a ajudar no cuidado com seu filho, ainda é preciso cuidar de si mesmo, principalmente quando se trabalha fora ou é uma mãe de "primeira viagem".

12 - Posso tocar na sua barriga?

Ta aí uma coisa que toda mulher grávida vai ouvir e, por mais que pareça inofensivo e que algumas pessoas não se importem, pode ser algo bem invasivo para outras, gerando desconforto. Caso você não saiba como a pessoa é, em relação a isso, é sempre melhor não arriscar uma situação desconfortável.

Se você já engravidou provavelmente já ouviu algumas dessas coisas, se não todas elas! Ou provavelmente disse uma delas para uma grávida. Compartilha aí com a gente, o que mais você acrescentaria a essa lista ou quais você acha normal dizer?

Próxima Matéria


Matérias selecionadas especialmente para você

Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+