Curiosidades

7 coisas que já deveriam ser socialmente aceitas

0

Nós vivemos em uma sociedade que se diz ser muito progressista e independente de regras e tradições impostas pelo passado. Contudo, sabemos que não é bem assim. Na verdade, existem vários preconceitos antigos que ainda podem ser vistos nos dias atuais. Com isso, coisas que já deveriam ser normais ainda são vistas com maus olhos.

Isso é tão verdade que esses julgamentos a respeito de algumas coisas acabam afetando o comportamento das pessoas, muitas vezes de uma maneira que nem elas mesmo percebem.

O fato é que todos nós temos a mania de julgar as ações das outras pessoas e as coisas que elas estão ou não fazendo. Porém, todo esse julgamento e estigma a respeito de determinadas coisas é totalmente sem fundamento e desnecessário. Mostramos aqui algumas coisas que já tinham que ser aceitas na sociedade.

1 – Pelos em mulheres

Stars Insider

Uma das coisas que precisam ser aceitas socialmente são mulheres com pelos no corpo. Até porque, todos nós nascemos com pelos. Mas como sociedade, fomos ensinados que mulheres não devem tê-los.

Esse é um ensinamento e julgamento que temos que deixar para trás. Se a mulher quiser deixar seus pelos naturais, tudo bem! Cada um sabe o que lhe faz bem e como quer ver o seu próprio corpo. É preciso parar de julgar os corpos alheios.

2 – Homens chorando

Stars Insider

Outro ensinamento antigo que só faz mal é a ideia de que homem não chora. Com isso, os homens foram ensinados a suprimirem suas emoções, o que resulta em vários problemas psicológicos.

Essa é uma outra coisa que já deveria ser socialmente aceita. Ninguém é de ferro, todos nós temos emoções e é perfeitamente necessário e recomendável expressá-las. Chorar não é um sinal de fraqueza.

3 – Não querer filhos

Stars Insider

Conforme a sociedade vai avançando, maior fica o número de pessoas que não quer ter filhos. Várias mulheres estão se desprendendo das amarras do passado que diziam que elas só ficariam completas quando fossem mães. Assim como mais homens também não estão cada vez com menos vontade de serem pais.

Essa ideia de que uma vida completa só acontece quando se tem um filho é uma das coisas que deve ficar no passado. Devemos aceitar que algumas pessoas não estão planejando nem querendo ter filhos.

4 – Não usar sutiã

Stars Insider

Algumas peças de roupa podem ser vistas como verdadeiras prisões. Esse é o caso do sutiã para várias mulheres. Ao longo do tempo, o corpo feminino sempre foi muito julgado, sem contar que várias regras foram criadas para que ele ficasse em um “padrão”.

Felizmente, nos dias de hoje vários desses padrões estão sendo derrubados. Um deles é a obrigatoriedade de se usar sutiã. Se a mulher se sente bem sem essa peça de roupa, cabe à sociedade aceitar e não julgá-la.

5 – Virgindade

Stars Insider

Com o passar do tempo, mudou-se o olhar da sociedade para a virgindade. Antigamente ela era vista com bons olhos e era pregada a todo custo. Contudo, atualmente a sociedade julga as pessoas virgens.

Isso claramente é uma das coisas que a sociedade não deveria tecer opinião nenhuma. Até porque, ir ou não para a cama com outra pessoa diz respeito a quem está envolvido no ato. Então, ser ou não virgem deveria ser aceito socialmente independente de qualquer coisa.

6 – Fim de amizades

Stars Insider

Uma das coisas que já deveriam ser socialmente aceitas há muito tempo é o fim das amizades. Até porque uma amizade nada mais é do que um relacionamento entre duas pessoas. Da mesma forma que os relacionamento românticos acabam, os relacionamentos de amizade também podem chegar ao fim.

Às vezes, os problemas na amizade podem ser os mesmo de uma relação romântica, como por exemplo, a pessoa não te ouvir, fazer você se sentir mal, ou mesmo te deixar de lado. Por isso, essas relações podem acabar e está tudo bem.

7 – Dizer “não”

Stars Insider

Essa pode ser uma das coisas mais simples do mundo, mas ao mesmo tempo uma das mais difíceis de ser feita. A maioria das pessoas tem medo de dizer “não”. Até porque isso geralmente é mal visto na sociedade como um todo.

Como temos medo de dizer “não”, costumamos inventar motivos para não aceitar determinado convite. A realidade é que temos que parar de julgar o “não” e entender que nem sempre estaremos dispostos a fazer determinadas coisas. Então, o “não” também tem que ser aceito socialmente.

Fonte: Stars Insider

Imagens: Stars Insider

Plantas conseguem se comunicar?

Matéria anterior

Colônia de 60 milhões de peixe é encontrada na Antártica

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos