CuriosidadesEntretenimento

7 mistérios históricos que foram resolvidos nos últimos anos

0

Existem mistérios no mundo que ainda estão sem solução. Muitos já foram solucionados, porém pessoas preferem não acreditar nisso. Um bom exemplo é sobre a construção das pirâmides. Sim, em 2014 descobriram como elas foram construídas. (Não, não tem nada relacionado com alienígenas. Não insista, por favor.) Bom, por mais que há mistérios muito bem ocultados e protegidos pelo tempo, existem muitas pessoas capacitadas e aficionadas para resolvê-los. Em outras palavras, é uma questão de tempo até que esses enigmas sejam decifrados.

Hoje a Fatos Desconhecidos traz para você alguns desses quebra-cabeças que demoraram anos para serem solucionados, mas acabaram sendo resolvidos. Descubra hoje 7 mistérios históricos que foram solucionados nos últimos anos.

1 – Cachoeiras de Sangue

Na Antártida Ocidental existe um local onde, aparentemente, um rio de sangue flui das geleiras. Para alguns teoristas místicos, provavelmente isso era sobrenatural, porém para a maioria das pessoas se tratava de algas vermelhas. Ninguém estava certo do que exatamente se tratava o fenômeno.

Alguns anos depois foi descoberto que as tais cachoeiras de sangue se tratavam de óxido de ferro, simplesmente isso. A cachoeira tinha sua origem em uma grande quantidade de água gelada presa dentro da geleira.

2 – Por que o maior primata do mundo foi extinto?

A alguns milhões de anos atrás, existia um macaco que cientistas estimam ter medido entre 1,8o e 3 metros de altura. Esse King Kong da vida real se chamava Gigantopithecus, e por muito tempo ninguém entendia como esse macacão veio a ser extinto.

Bom, na Alemanha, um grupo de pesquisadores descobriram o porque. O macaco simplesmente não conseguiu sobreviver à mudança brusca de seu ambiente. Em um certo período, a região onde ele habitava se transformou em uma grande savana. As plantas de onde ele tirava alimento simplesmente desapareceram e ele não conseguiu se adaptar. Fim.

3 – Extinção do Tigre da Tasmânia

Em 1936 morreu o último espécime de Tigre da Tasmânia em cativeiro do mundo. Isso ocorreu 50 anos depois de sua espécie ser dada como extinta. O que intriga os pesquisadores é o motivo dele ter sobrevivido na Tasmânia e não na Austrália (onde sua especie já teria sido extinta a milhares de anos).

Muitos achavam que era uma questão de concorrência com outros predadores, mas na verdade foi uma questão climática. Devido ao El niño, a seca que se sucedeu exterminou grande parte da população desse animal. A parte que sobreviveu conseguiu se desenvolver antes que os europeus chegassem na ilha da Tasmânia no século 18.

4 – Qual a tintura dos guerreiros de Terracota

Quando foram encontrados, esses guerreiros de barro que guardam o túmulo do primeiro imperador da China causaram uma dúvida. Eles possuíam restos de pigmentos. Ninguém sabia ao certo do que era feito aquilo e como se manteve por tanto tempo lá. Afinal, dois milênios é muita coisa. Um grupo de cientistas chineses descobriram que se tratava de Toxicodendron.

Toxicodendron é uma laca retirada de uma árvore. Duas camadas dessa laca chinesa eram passadas nas estátuas e depois elas eram pintadas.

5 – A morte dos mamutes

O que acontece aqui é que os mamutes se organizavam da seguinte forma. Existe uma matriarca mais velha e a maior parte da manada era feito de fêmeas. Quando os machos cresciam, eram expulsos da manada. Isso colocava os machos em situação de risco. Em outras palavras, sem a experiência da matriarca, eles tendiam a morrer mais facilmente. Quando veio a Era do Gelo, muitos desses machos faleceram e consequentemente a taxa de mortalidade excedeu a de nascimento.

6 – O povo de Nazca

Muita gente diz que essa civilização peruana veio das estrelas e sumiram do nada por causa de algum contato extraterrestre. Isso muito tem a ver com os enormes desenhos que faziam no campo. Contudo, o que aconteceu está bem longe de ser isso… Bem longe mesmo.

Na verdade essa civilização desmatou tantas árvores que o clima foi afetado, Eles passaram por um período de seca nunca antes testemunhado. Consequentemente, a civilização entrou em colapso.

7 –  Quem construiu as pirâmides

Não, não foram os alienígenas… Esqueçam os alienígenas por um tempo. E sim, já se tem uma resposta para essa pergunta. Ela não é mais um mistério! Em 2014, a Universidade de Amsterdam descobriu que quem construía as piramides egípcias eram… construtores humanos! Uau! Sim, por “incrível” que pareça, foram pessoas que fizeram aqueles monumentos.

Bom, o que acontece aqui é que foi descoberto o método que eles utilizavam. Basicamente uma grande quantidade de trabalhadores empurravam e puxavam as pedras, porém o segredo aqui é que eles utilizavam um lubrificante especial para diminuir o atrito das mesmas. Normalmente era utilizado ou água sobre a areia ou lama como lubrificante.

E aí, o que achou da matéria? Deixe seu comentário e até a próxima

7 fatos interessantes sobre os astecas que nunca te contaram

Matéria anterior

10 imagens que vão te fazer perguntar ‘que p* é essa?’

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos