• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 teorias totalmente malucas que algumas pessoas costumavam acreditar

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      18/09/18 às 14h30

Até chegarmos a tudo o que conhecemos hoje, através da ciência, muita coisa aconteceu. Muito se especulou, muitos conceitos surgiram e muitas noites de sono foram perdidas. Principalmente quando os cientistas e pesquisadores descobriam que tudo o que sabiam, até então, sobre determinada coisa, na verdade não valia de nada.

Algumas dessas coisas, de fato, são a prova viva de como a ciência funciona. Tudo pode ser verdade, até que alguém venha e prove ao contrário. Hoje, trouxemos para vocês algumas das teorias que já surgiram ao longo da história da ciência, mas que acabaram se provando um grande erro. Confira!

1 - Planeta Vulcano

Os cientistas se atentaram a uma coisa em relação a órbita de Mércurio. Ela não era perfeita como deveria, segundo a mecânica. Por este motivo, eles então sugeriram que haveria um planeta entre Mercúrio e o Sol, que seria o responsável por tal alteração. O tal planeta até mesmo recebeu um nome: Vulcano.

A ideia era sustentada pois eles imaginavam que assim seria o mesmo caso de Netuno, que foi previsto matematicamente apenas se baseando pela órbita de Urano antes de ser observado de fato. Até que Einstein surgiu com a teoria da relatividade e conseguiu explicar exatamente como funciona a órbita de Mercúrio e a ideia do Vulcano caiu por terra.

2 - Limpeza

Por um certo tempo, os médicos acreditavam que suas mãos estavam sempre limpas. Assim, sem lavar as mãos, um paciente era atendido em seguida do outro. Às vezes até mesmo cadáveres. As taxas de mortalidade eram enormes. O médico Ignaz Semmelweis, foi o primeiro a propor que os profissionais da saúde deveriam lavar suas mãos antes de atender alguém. Semmelweis foi muito ridicularizado por seus colegas de profissão e teve um colapso nervoso. O médico morreu 14 dias depois de septicemia.

3 - Frenologia

A frenologia usava da estrutura do crânio de uma pessoa para determinar a sua capacidade mental. A pseudo-ciência se baseava na ideia de que nossas faculdades mentais estavam localizadas em órgãos cerebrais na superfície do cérebro. Dessa forma, elas poderiam ser detectadas observando a cabeça da pessoa.

Para o médico vienense Franz-Joseph Gall, nosso cérebro possuía cerca de 26 "órgãos" que afetavam o contorno de nosso crânio. Segundo ele, os assassinos, por exemplo, teriam um órgão responsável por essa conduta.

4 - Teoria do flogisto

O flogisto é uma substância cujo cientistas acreditavam ser liberada na combustão de certos materiais combustíveis. Johann Joachim Becher, em 1667, teria apresentado pela primeira vez a ideia sobre o elemento. Através da teoria do flogisto, os cientistas tentavam explicar um processo que hoje em dia conhecemos como oxidação.

5 - Radiação e a saúde

No começo, quando os cientistas descobriram a radiação e começaram a estudá-la, eles acreditavam que ela era uma coisa "boa para saúde". E isso alimentou o mercado de várias maneiras. Pingentes de rádio eram vendidos para combater o reumatismo. Água natural de rádon era comercializada para aumentar o vigor. Cobertores de urânio serviam para artrite, entre outros produtos.

6 - Alquimia

A ciência da transformação de metais comuns em metais nobres tinha um grande fã: Isaac Newton. Newton dedicou muito de seu tempo estudando sobre o tema. Porém, mesmo após tanto tempo, a alquimia nunca se tornou algo verdadeiramente viável. Uma vez que, apesar das modernas tecnologias, o custo para executá-lo ainda era muito superior ao que de fato faria com que valesse a pena produzir ouro de chumbo, por exemplo.

7 - Útero móvel

Areteu da Capadócia acreditava que o útero era um órgão móvel e que "flutuava" pelo corpo. O caminho percorrido por ele tinha certas consequências no corpo da mulher, como fraqueza, nervosismo, desejo sexual, insônia e retenção de líquido etc. A crença nesse comportamento do útero era um dos ensinamentos de Hipócrates.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+