• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 truques que todo mundo que fica várias horas na frente de uma tela deveria saber

POR Jesus Galvão    EM Curiosidades      14/03/19 às 19h12

Segundo as estatísticas da Organização Mundial de Saúde, a OMS, 1,3 bilhão de pessoas ao redor do mundo possuem algum grau de deficiência visual. A miopia até mesmo recebeu dos oftalmologistas o título de "a doença do século 21" e muitos a têm em razão do uso de dispositivos eletrônicos, como TV, Smartphones e tablets.

A verdade é que, de fato, ao passarmos muito tempo em frente a esses aparelhos, nossos olhos começam a apresentar sinais de cansaço e, além de problemas na visão, a má postura ao utilizá-los pode causar problemas na coluna e na circulação, por exemplo. Pensando nisso, hoje, listamos para vocês algumas dicas e truques que devem lhe ajudar caso tenho que passar muito tempo em frente as telas. Confira!

1 - A regra do 30-60-300

Existe uma regra universal que diz que existe uma distância segura para usarmos alguns dispositivos como a TV, os Smartphones e os monitores de computadores, para que eles não sobrecarreguem nossos olhos. Os Smartphones devem estar a 30 cm do rosto, os monitores de PC a 60 cm e a TV a 300 cm.

2 - Use o recurso do brilho automático

O brilho da tela é uma das coisas que mais impactam nossa visão. Podemos regular tal brilho de forma manual. Entretanto, na grande maioria dos Smartphones, você pode acionar a função de regulagem automática, onde o próprio aparelho escolhe a intensidade do brilho de acordo com a necessidade. Alguns laptops também possuem essa função. Os monitores de computadores de mesa podem ter o brilho ajustado nas configurações.

3 - Use cores quentes e tente usar o modo leitura dos navegadores

As questões a respeito do efeito da luz azul sobre nossos olhos ainda são controversas. No entanto, muitos oftalmologistas concordam que o uso de cores mais quentes nas telas reduzem o esforço ocular. Outra dica para não forçar tanto os olhos no momento de uma leitura mais longa em Smartphones e tablets é utilizar o modo leitura.

4 - Durante a noite leia em uma tela escura com uma fonte contrastante

Se você gosta de ler e-books mas ainda não possui um dispositivo com tinta eletrônica e utiliza seu Smartphone/tablet para leitura, é bom que você faça alguns ajustes para que seus olhos não sejam prejudicados. O uso do modo noturno e/ou ajustes de brilho podem lhe ajudar nessa tarefa.

5 - Certifique-se que não há impressões digitais na tela

Normalmente, distraídos pelo o que estamos vendo nas telas de nossos telefones, não percebemos impressões digitais marcadas nelas. Porém, nossos olhos não podem ser facilmente enganados. Eles trocam constantemente o foco do que estamos vendo para essas impressões no vidro. Devido a isso, é interessante desenvolver o hábito de limpar as telas dos dispositivos que você utiliza com uma certa frequência.

6 - Dê preferências a telas grandes

Caso você possa escolher entre um Smartphone e um tablet, escolha a segunda opção. Ao comprar novos dispositivos sempre dê preferência aos modelos com telas maiores. É verdade que eles não são tão compactos e podem lhe dar um pouco mais de trabalho para transportar, porém são mais seguros para seus olhos.

7 - Mantenha os dispositivos móveis em alturas adequadas

Basta dar uma olhada ao nosso redor para poder perceber a quantidade de pessoas que, enquanto usam seus celulares e tablets, os deixam tão baixos que precisam curvar seus pescoços. Isso prejudica o fluxo sanguíneo nos vasos oculares. A posição ideal é utilizar o dispositivo entre 30 e 40 cm de nosso rosto, com o aparelho um pouco abaixo do nível dos olhos.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria


Matérias selecionadas especialmente para você

Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.

Fatos + Deezer (Podcast)

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+