Entretenimento

8 pessoas bizarras que são completamente apaixonadas por objetos inanimados

0

Bom, acontece. Cada ser humano tem as suas peculiaridades, e é completamente impossível tentar entender o que se passa na cabeça de todo mundo.

Nessa matéria, entretanto, nós vamos falar de uma parafilia, bastante curiosa, a atração por objetos ou seres inanimados.

Nunca tinha ouvido falar sobre isso? Tudo bem, esse tipo de “fetiche” não é mesmo muito convencional. E foi exatamente por esse motivo, que nós aqui do Ultra Curioso criamos uma lista com 8 casos de pessoas que são apaixonadas por objetos ou construções. Confira

1- Amy Wolf

01

Quem olha para a adora Amy não imagina com quem ela é casada. Amy Wolfe é uma organista que mora na Pensilvânia, e por algum motivo inexplicável, até porque o amor dessas coisas, ela decidiu se casar nada mais e nada menos do que com um brinquedo gigante chamado 1001 Natchts, que se encontra no parque de diversões, chamado Knoebels. O seu relacionamento com o brinquedo, já rendeu mais de 3.000 passeios da moça em seu amado.

2- Erika Eiffel

02

Bom, você já deve ter entendido tudo, e você está absolutamente certo. Erika é conhecida por ter realizado a proeza de se casar com a Torre Eiffel, o que deve ser um pouco complicado para ela, ver todos aqueles turistas admirando e visitando a sua torrinha.

E não é só isso não, ela também já admitiu ter tido um affair pelo muro de Berlim, mas infelizmente uma outra mulher chamada Eija-Riita Berliner Mauer, que vive na Suécia, já havia se casado com o muro em 1979.

3- Lee Jin-Gyu

03

Bom, se tem gente que se casa com construções, porque nos surpreenderíamos com pessoas que se casam com travesseiros, não é mesmo? E foi exatamente isso que O sul coreano Lee Jin-Gyu fez, ele se casou com o seu próprio travesseiro que ele comprou no Japão. Além disso o objeto apresenta uma imagem de um personagem do anime Magical Girl Lyrical Nanoha.

4- Sal 9000

04

Esse não é seu nome verdadeiro, mas é assim que ele gosta de ser reconhecido. Sal 9000 é um homem nascido em Tóquio, que se apaixonou perdidamente por “Nene Anegasaki” uma bela moça.

Até ai tudo bem, e aparentemente nada fora do normal, se não fosse pelo simples detalhe, de “Nene” ser uma personagem que vem em uma linha de jogos da Nitendo DS plus.

Mesmo assim, Sal 9000 se casou com a personagem, assim que ele completou 27 anos. O seu casamento foi assistido por milhares de pessoa online.

5- Amanda Whittaker

05

Amanda trabalha como vendedora na loja Leeds, e desde 2007 ela nutri um relacionamento bastante intenso com a Estátua da Liberdade. Só podemos concluir, que se até a Estátua da Liberdade tem um crush, a esperança ainda existe, meus amigos.

6- Reighner Deleighnie

06

Reighner Deleighnie  comprou uma estátua de aproximadamente 91 cm do deus grego Adonis. E pagou a quantia de 400 euros nesse objeto, o equivalente a 1.800 reais. Reighner se diz apaixonada pela estátua, e a nomeou de Hans. Além disso ela criou até uma canção para o casal.

7- Davecat

07

Davecat se casou com uma boneca que é feita completamente de silicone, chamada Sidore Kuroneko, mas ele não se contentou com a boneca não, ele também divide sua casa com a amante, Elena Vostrikova, uma outra boneca feita do mesmo material. Uma curiosidade interessante sobre suas bonecas, é que elas possuem uma língua falsa para ser beijada em sua boca.

8- Edward Smith

09

Edward atualmente é casado com seu fusca branco, mais conhecido como “Volkswagen Beetle”, mas por Edward, o carro é chamado de “Vanilla”.

Apesar de admitir o seu relacionamento sério com o veículo, ele já admitiu ter feito sexo com mais de 1.000 outros veículos, sendo que o seu primeiro envolvimento sexual com um automóvel ocorreu quando Edward tinha apenas 15 anos. Como isso funciona, nós ainda não sabemos, mas talvez seja melhor assim.

E então queridos leitores, vocês acreditam que pessoas realmente podem se apaixonar por objetos ou construções? Comenta pra gente.

6 lesões mais bizarras que as pessoas já sofreram

Matéria anterior

Conheça a floresta que é conhecida como o “triângulo das bermudas” da Romênia

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos