Curiosidades

9 tratamentos médicos mais cômicos da História

0

Sem dúvidas a evolução tecnológica fez toda a diferença para o tratamento de doenças e mazelas. No entanto, muito dos métodos empregados por nossos antepassados para a cura e alívio de sintomas ainda se provam eficazes e contribuíram de diversas formas para como entendemos as medicações hoje em dia.

Entretanto, alguns tratamentos, mesmo os desenvolvidos por médicos, com o passar do tempo além de se provarem nada eficazes, mostraram que ofereciam maiores riscos do que as próprias doenças que buscavam curar. Hoje, trouxemos para vocês alguns destes métodos duvidosos e em alguns casos, até mesmo cômicos, que já foram ministrados ao longo da história. Confira!

1 – Xarope calmante

Essa medicação chamada ‘Xarope Calmante da Senhora Winslow’ era bastante popular nos anos 1800 e era usada, principalmente, durante o período em que os dentes das crianças estavam nascendo. Entretanto, em 1930 ele foi completamente tirado de mercado, pois dentre os seus principais ingredientes estava a morfina e o álcool.

2 – Ecstasy

Diversos métodos e substâncias surgiram ao longo do tempo para tratar problemas relacionados aos transtornos da mente. Na década de 1970, houve um forte impulso para o uso do ecstasy na psicoterapia.

3 – Sanguessugas

Estes animais eram usados para retirar “sangue ruim” do corpo das pessoas. Surpreendentemente a técnica das sanguessugas voltou para a área da reconstrução de órgão e microcirurgia.

4 – Cartilagem de tubarão

Durante a década de 1950, surgiu um movimento que acreditava que os tubarões não podiam ter câncer, e que portanto todos deveriam comer sua cartilagem como forma de evitar a enfermidade. No entanto, conforme o passar do tempo, tudo se provou puro charlatanismo.

5 – Lama

Usado em revestimento de pilulas e em alguns tipos de medicação, o uso mais famoso deste ‘produto’ tem sido feito pela NASA. Eles têm usado o material para combater os efeitos de degeneração óssea da ausência de peso.

6 – Vin Mariani

A bebida indicada como tônico para o corpo, cérebro e nervos foi inventada em 1863, pelo químico italiano Angelo Mariani. Seus ingredientes eram basicamente um mix de vinho tinto e extrato de folhas de coca. O produto se tornou um grande sucesso e, aparentemente, teria inspirado a invenção da coca-cola.

7 – Fígado de ovelha

Sem todo aparato tecnológico moderno, os médicos na Mesopotâmia faziam seus diagnósticos inspecionando o fígado de ovelhas sacrificadas ao invés de analisar seus próprios pacientes.

8 – Cortes na língua

Também conhecido como hemiglossectomia, durante os séculos 18 e 19, os médicos tentavam curar a gagueira fazendo largos cortes na língua de seus pacientes. O método, atualmente, é empregado no tratamento do câncer bucal.

9 – Ketchup

Em 1830, o médico Archibald Miles declarou ter encontrado a cura para a diarreia em uma substância encontrada no tomate. Sua descoberta ficou muito conhecida como ‘Composto de Extrato de Tomate Dr. Miles’. Com o passar do tempo, obviamente, a substância acabou se provando completamente ineficaz para o tratamento da mazela.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

7 coisas extremamente terríveis usadas no passado para atingir os padrões de beleza

Matéria anterior

Cientistas querem transferir sua mente para máquinas, entenda

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos