Afinal de contas, quando o homem começou a falar?

POR A redação    EM Mistérios & Horror      21/09/15 às 18h43

A origem da linguagem nas espécie humana tem sido o tema de discussões acadêmicas durante vários séculos. Apesar disso, não há consenso sobre a origem ou a idade em que os seres humanos começaram a falar. Um problema faz com que o tema seja difícil de estudar: a falta de evidência direta.

Consequentemente, os estudiosos que desejam estudar as origens da linguagem fazem referências a partir de outros tipos de provas, tais como registro fóssil, evidências arqueológicas, a diversidade linguagem contemporânea, estudos sobre a aquisição da linguagem e as comparações entre o sistema de linguagem humano e sistemas de comunicação existentes entre os outros animais.

Muitos argumentam que as origens da linguagem, provavelmente, se relacionam estreitamente às origens do comportamento humano moderno, mas há pouco consenso sobre as implicações e direcionalidade desta conexão.

Esta falta de evidência tem levado muitos estudiosos a considerar o tópico inteiro como inadequado para um estudo aprofundado. Em 1866, a Sociedade Linguística de Paris proibiu quaisquer debates existentes ou futuros sobre o assunto, uma proibição que se manteve influente em grande parte do mundo ocidental até o final do século XX.

Hoje, existem inúmeras hipóteses sobre como, por que, quando e onde a linguagem poderia ter surgido. Apesar disso, não há praticamente nada novo em relação a cem anos atrás quando Charles Darwin apresentou a teoria da evolução por seleção natural e provocou uma onda de especulações sobre o tema.

Desde o início de 1990, no entanto, uma série de linguistas, arqueólogos, psicólogos, antropólogos e outros cientistas têm tentado resolver com novos métodos o que alguns consideram "o problema mais difícil da ciência."

Mitologia

43

A busca pela origem da linguagem tem uma longa história enraizada na mitologia. A maioria das mitologias não credita aos seres humanos a invenção da linguagem, mas falam de uma linguagem divina anterior a linguagem humana. Línguas místicas usadas ??para se comunicar com os animais ou espíritos, como a linguagem dos pássaros, também são comuns, e foram de especial interesse durante o Renascimento.

VAC é a deusa Hindu da fala ou do "discurso personificado." Os astecas acreditavam que um homem, Coxcox, e uma mulher, Xochiquetzal, sobreviveram a uma inundação, tendo flutuado em um pedaço de casca de árvore. Eles encontraram uma terra e geraram muitas crianças. A primeira não tinha a capacidade de falar, mas, posteriormente, com a chegada de uma pomba, as crianças foram dotadas de linguagem, embora cada uma tenha sido dada um discurso diferente. Assim, eles não podiam entender um ao outro.

No Antigo Testamento, está escrito em Gênesis 11 que Deus confundiu as línguas da humanidade, espalhando assim as pessoas, fazendo-os falar línguas diferentes e impedindo a conclusão da Torre de Babel.

História

42

A história contém uma série de relatos sobre pessoas que tentaram descobrir a origem da linguagem pela experiência. O primeiro e mais antigo foi Heródoto. Ele relata que o Faraó Psammetichus teve dois filhos que foram levados por um pastor, com as instruções de que ninguém deveria falar com eles, mas que o pastor deveria alimentar e cuidar deles.
Quando uma das crianças gritou "bekos" com os braços estendidos ao pastor, ele concluiu que a palavra, para a criança era o som que representava o pão com que ela era alimentada. A partir daí, Psammetichus concluiu que a primeira língua foi o "frígio".

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+