icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Alguém já sobreviveu a uma queda de avião sem paraquedas?

POR Diogo Quiareli EM Curiosidades 22/11/19 às 14h52

capa do post Alguém já sobreviveu a uma queda de avião sem paraquedas?

Existem diversas formas de morrer e, sem sombra de dúvidas, um acidente fatal está entre os principais medos. É comum nos depararmos com notícias de pessoas que bateram o carro, caíram de moto ou até mesmo de alguns andares. Infelizmente, a vida nem sempre costuma dar uma segunda chance, mas há os casos onde as vítimas saem ilesas ou pelo menos vivas. Acredite ou não, isso também já aconteceu em acidentes aéreos. Há registros de algumas pessoas que estavam no avião errado quando nasceu de novo. Elas sobreviveram à quedas mortais sem o uso de paraquedas, o que é ainda mais chocante.

Ser atirado aos céus sem paraquedas é um pesadelo, mas essas são provas de que não é uma sentença de morte. A resistência do ar faz com que um ser humano, independente da altura, caia numa velocidade máxima de 195 km/h.Como falamos antes, há quem já passou por isso e sobreviveu. Pensando um pouco melhor, resolvemos trazer essa matéria. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou algumas pessoas que sobreviveram a queda de avião sem usar paraquedas. Sem mais delongas, confira conosco a seguir e surpreenda-se.

Pessoas que sobreviveram a queda de avião sem paraquedas

Shayna Richardson e Richard Tanner

Em 2005, mais precisamente em outubro daquele ano, a paraquedista Shayna Richardson ia saltar sozinha, pela primeira vez. No entanto, tanto o paraquedas padrão quanto o reserva, falharam. A jovem caiu de uma altura de 3.048 metros. Ela bateu com seu rosto no asfalto e isso fez com que seu crânio se quebrasse. Shanya foi socorrida às pressas. Lá, descobriram não só que ela estava viva, como também que estava grávida. O bebê, batizado de Richard, não sofreu nenhum dano no acidente.

Bear Grylls

Antes de se tornar um aventureiro famoso da TV, Bear passou um tempo servindo às Forças Armadas Britânicas. Ele participou de um treinamento de paraquedas durante uma tempestade na Zâmbia. No momento em que saltou, o paraquedas não abriu e ele demorou muito para abrir o reserva. Ele fraturou suas costas e precisou passar 12 meses, realizando sessões de fisioterapias, de até 10 horas por dia.

Juliane Koepcke

Juliane era uma jovem de 17 anos, quando o voo 508 da LANSA caiu na Amazônia peruana. Ela estava com sua mãe, voltando de uma viagem, quando um raio atingiu o avião. Isso fez com que a aeronave explodisse no meio do ar. Juliane caiu ainda presa em seu assento. A jovem caiu de uma altura de 6.040 metros e foi a única, entre os 92 passageiros, a sobreviver. Juliane passou 10 dias com fome, frio e dor, pois havia quebrado a clavícula. No décimo primeiro dia, encontrou uma cabana, onde se abrigou. No dia seguinte, foi encontrada por um grupo de lenhadores que lhe prestou socorro.

Vesna Vulovic

Vesna era aeromoça quando o avião onde estava explodiu, na Tchecoslováquia, em 1972. Mesmo caindo de uma altura de 10.000 metros, ela sobreviveu. A mulher foi a única sobrevivente deste voo e teve o seu crânio fraturado, duas vértebras esmagadas, quebrou a pélvis, as costelas e as duas pernas. Foi socorrida e levada a um hospital, onde passou 10 dias em coma. Ela sobreviveu e voltou ao trabalho, na companhia aérea na parte de escritório.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.


Próxima Matéria
avatar Diogo Quiareli
Diogo Quiareli
Geminiano, 26 anos, goiano. Amante de música pop, fã de Katy e Luan.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest