Fatos NerdNotícias

Capitão América quer Venom nos Vingadores

0

Há alguns meses, aconteceu todo aquele impasse entre Disney e Sony. Tal situação resultou em muita roupa suja trazida à tona. Em meio as diversas argumentações de ambas as companhias sobre o desacordo, foi dito que a Marvel monopolizava o controle criativo sobre o Homem-Aranha. A Sony queria criar um Aranhaverso, ou seja, o teioso de Tom Holland poderia encontrar o Venom de Tom Hardy nas telas. Entretanto, Kevin Feige foi contra deixar o simbionte interferir, mesmo que indiretamente, no seu universo compartilhado. Pois bem, se o estúdio não quis o simbionte no MCU, a editora fez o contrário. Assim, na mais recente edição de Venom #21, vimos Eddie Brock ser convidado para se juntar ao Vingadores. Caso você esteja duvidando, avisamos desde já que o próprio Capitão América congratulou Brock por seus recentes feitos e fez a invitação.

Aqueles que acompanham a mais recente série do Venom sabem que ele deixou de seu lado vilanesco para trás e salvou a Terra. Até então ele não tinha recebido nenhum crédito por isso, porém essa boa ação concedeu a ele um encontro com os Vingadores. Tal qual uma entrevista de emprego para um cargo superimportante, Brock é escoltado de limusine até a Montanha Vingadores no Círculo Polar Ártico. Assim que ele chega na porta, sem saber ao certo o que está fazendo lá, o próprio alter ego de Steve Rogers está à sua espera. No geral seria um momento muito gratificante para qualquer personagem do Universo Marvel. Contudo, o que poucos sabem é que Eddie carrega um enorme peso em seus ombros, que pode afetar e ser afetado pela resposta ao convite dos Vingadores.

Com grandes poderes, vêm grandes responsabilidades

Embora Eddie realmente tenha salvado o mundo do Absolute Carnage, poucos sabem das reais consequências dessa vitória. Surpreendentemente as coisas só saíram bem porque Brock venceu o Carnage absorvendo o simbionte em seu próprio corpo. Tal sacrifício provocou danos, ainda desconhecidos, pelo próprio hospedeiro. Todavia, além disso, a absorção da criatura despertou Knull, que está se dirigindo para a Terra. Portanto, Eddie carrega vários fardos nos ombros enquanto atende ao chamado do Capitão América. Sendo assim, faz sentido que o personagem esteja apreensivo em aceitar o convite, afinal, grandes poderes trazem grandes responsabilidades, e o encargo de Eddie já é enorme.

No entanto, ainda não sabemos se a resposta ao convite será positiva ou negativa. Além disso, ainda é necessário que Brock consiga a quantidade de votos necessária para ser aceito. Embora já conte com o de Steve Rogers, ainda faltam os da Mulher-Hulk, Blade, Capitã Marvel, Motoqueiro Fantasma, Thor e Homem de Ferro. Ademais, vale ressaltar que todos esses heróis tem opiniões diferentes sobre Venom e o veredito final é imprevisível. Sendo assim, só nos resta esperar pela próxima edição da série que será lançada no dia 8 de janeiro.

E então, qual sua opinião sobre o Venom? O anti-herói merece ou não ser adicionado aos Vingadores? O que será que acontecerá com o Carnage absorvido por ele? Compartilhe sua opinião com a gente.

Veja as novidades que chegarão na Netflix em janeiro de 2020

Matéria anterior

Death Note terá história inédita em 2020

Próxima matéria

Mais em Fatos Nerd

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.