Curiosidades

Cidade chinesa afirma ter encontrado Coronavírus vindo em embalagem de carne brasileira

0

De acordo a agência de notícias Reuters, a cidade de Wuhan, na China, revelou ter detectado a presença do novo coronavírus, em embalagens de carne bovina que foram enviadas do Brasil ao país em agosto deste ano. Os produtos estavam sob os cuidados de um frigorífico da Marfrig Global Foods.

Das três amostras analisadas pela Comissão Municipal de Saúde de Wuhan, todas continham a presença do vírus. Ainda de acordo com a agência de notícias, as embalagens saíram de Várzea Grande (MT). A origem dos produtos foi verificada com base no código de registro do exportador de embarque.

Wuhan voltou a permitir a entrada de produtos brasileiros em outubro. As exportações para a China estavam suspensas desde de junho. Segundo reportagem publicada pelo G1, o lote contendo a carne bovina entrou no país no dia 7 de agosto, pelo porto de Qingdao. A mercadoria chegou em Wuhan no dia de 17 de agosto. Desde então, as embalagens estavam armazenadas um frigorífico.

A Marfrig, até o momento, não comentou sobre o assunto e o Ministério da Agricultura informou que ainda não foi notificado pelas autoridades chinesas.

Exportação

Mercadorias brasileiras tardam meses até chegar ao destino porque, na maioria das vezes, são transladadas por navios. Por conta disso, acredita-se que o produto tenha sido adquirido pela China antes da suspensão das exportações.

Em contrapartida, essa não é a primeira vez que as autoridades chinesas constataram, em embalagens de produtos brasileiros, a presença do vírus. No mês passado, a Comissão Municipal de Saúde de Wuhan detectou a presença do novo coronavírus em outra carga de carne bovina. O produto havia sido enviado pela empresa Minerva Foods.

Após descobrirem a presença do vírus, as autoridades de Wuhan suspenderam por uma semana todas as exportações realizadas pela empresa. Além da carne bovina, as autoridades chinesas também tiveram problemas peixes e carne frango.

Produtos de outros países também continham a presença do vírus. Amostras do vírus foram encontradas em embalagens de carne bovina argentina após análises. Atualmente, a China é o país que mais compra carne bovina do Brasil e da Argentina.

Funcionários

Por conta da presença do novo coronavírus nos produtos brasileiros que foram adquiridos pela China, mais de 100 funcionários chineses tiveram que ser submetidos a testes. A china passou a analisar os produtos que chegam no país no final de junho. A medida foi tomada para evitar uma nova onda de contaminação no país. 

Dos quase 3 milhões de produtos que foram recebidos pela China desde setembro, 22 amostras testaram positivo. Como houveram novos casos de trabalhadores portuários que foram infectados pelo vírus, o país voltou a intensificar os testes e a desinfecção dos produtos. 

Até o atual momento, o novo coronavírus já ocasionou 1.297.347 de mortes em todo o mundo. O total de casos registrados é de 53.021.603, destes 34.266.672 conseguiram se recuperar. No Brasil, 5.783.647 foram registrados. Ao todo, 5.256.767 se recuperaram e 164.332 morreram por conta da doença.

Como se sabe, as principais vias de contaminação da doença ocorrem via gotículas de saliva, espirros, acessos de tosse, contato próximo e superfícies contaminadas.

Por que agências bancárias fecham cedo?

Matéria anterior

O jardim desse homem em uma garrafa de vidro segue vive mesmo sem receber água desde 1972

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.