• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Galinhas se uniram e inacreditavelmente mataram raposa a bicadas

POR Jesus Galvão    EM Entretenimento      18/03/19 às 14h58

Além de suas refeições, as pessoas costumam não levar as galinhas tão a sério. Apesar dessas graciosas criaturas serem bem engraçadas, vez ou outra, elas gostam de nos lembrar que são do tipo que nunca não está para brincadeira como imaginamos. Afinal, elas são descendentes dos dinossauros.

Recentemente um grupo de galinhas furiosas em uma fazenda de aves na França se tornaram suspeitas de matarem uma raposa que entrou no galinheiro, localizado em uma escola de agricultura em Pontivy, onde elas se encontravam confinadas, muito provavelmente atrás de um fácil jantar, segundo o que informou a Agence France-Presse (AFP).

O esquadrão suicida

Para infelicidade da raposa, cerca de 6 mil galinhas lutaram bravamente para se defenderem, o que resultou na morte do mamífero. Em uma cena que faria qualquer filme de guerra parecer tranquilo, a multidão de aves atacou seu predador e bicaram o animal até a sua morte.

A descoberta do corpo da raposa aconteceu depois que um grupo de alunos da escola estavam fazendo a ronda matinal para verificar como estavam as galinhas. "Lá, no canto, encontramos a raposa morta. Houve um instinto de rebanho e elas a atacaram com seus bicos. Haviam golpes no pescoço. Golpes feitos por seus bicos", disse Pascal Daniel, chefe de agricultura da escola Le Gros Chêne.

Em entrevista a um jornal local chamado Ouest France, Pascal acrescentou: "As galinhas podem ter chegado em massa e a raposa ficou surpresa, totalmente em pânico".

O galinheiro, na fazenda orgânica onde o incidente ocorreu, costuma ficar aberto e as galinhas ficam livres durante o dia todo, com elas ficando a maior parte do dia do lado de fora. Com exceção daquelas que estão botando ovos.

Segundo Pascal, há algum tempo, há cerca de um ano atrás, uma outra raposa fez uma visita surpresa ao galinheiro. No entanto, naquela vez quem saiu perdendo foram as galinhas. "Elas estão lá algum tempo, provavelmente elas aprenderam a se defenderem", brincou Pascal.

As galinhas podem parecer muito pacíficas, mas o comportamento agressivo desses bichos não é algo tão incomum quanto imaginamos. Para impor níveis de hierarquia, as galinhas podem bicar umas às outras para afirmar seu domínio sobre a hierarquia social do bando. É melhor não mexer com elas.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+