Entretenimento

Garoto usa técnica inusitada para estudar e passa em primeiro lugar para Medicina

0

Entrar em uma universidade é o sonho de muitas pessoas. O curso superior, que prepara as pessoas para o mundo profissional em sua carreira dos sonhos, é o objetivo de muitos. No entanto, entrar em alguns desses cursos não é a coisa mais fácil que existe. Principalmente, se o foco é uma universidade pública. Aí as complicações aumentam ainda mais.

Os jovens do ensino médio são os principais concorrentes a uma dessas vagas. São anos ou no caso um ano de estudo duro. Tudo para no fim, ter o seu nome entre os colocados para o curso dos sonhos. O Exame Nacional de Estudantes do Ensino Médio – Enem, é atualmente, uma das principais formas de ingressar na universidade, seja pública ou particular. Os alunos se preparam durante todo um ano para realizar a prova, que não é das mais simples.

Nesse caminho para a aprovação, os estudantes buscam a melhor forma de estudar e se preparar para o exame. O jovem Gabriel Mattucci, de 17 anos, usou os post-its e ao que parece a ideia deu muito certo!

Post-its na parede do quarto

Gabriel já começou o ano focado nos estudos! Depois de tantos anos estudando, ele decidiu não seguir o método tradicional. Abandonou os cadernos. Sabia que não voltaria para reler as páginas e páginas de anotações. Aderiu aos post-its e anotava apenas o essencial, dessa forma, podia revisar rapidamente sempre que necessário.

O foco de Gabriel foi realizar exercícios e refazer provas antigas. Como seu ponto fraco era a disciplina de História, ele decidiu focar nessa matéria. Além disso, o garoto pegou todas as provas da Fuvest, desde 1977 e as refez. Ele decidiu focar apenas em uma prova, para que não fosse preciso realizar tantos vestibulares e acabar não se saindo bem em nenhum deles.

E não pense que o garoto abriu mão de sair e tantas outras coisas. Sempre manteve o lazer, saia com os amigos e a família. Foi só quando o exame estava se aproximando é que ele intensificou ainda mais os estudos. Além disso, o estudante diluiu seus estudos. Desde o primeiro ano do ensino médio, ele vinha estudando, mas não deixou que todas as matérias se acumulassem para o último ano.

Dupla aprovação

Você está se perguntando o porquê de tanto estudo? Acontece que Gabriel sonha em cursar Medicina, que é um dos cursos mais concorridos do país. Além disso, a faculdade que ele almejava, era também uma das mais concorridas, a Universidade de São Paulo – USP.

Acontece que ele não apenas foi aprovado, como foi duplamente aprovado! Ele passou no vestibular da Fuvest, que garantiu uma vaga na USP no campus da capital e foi o primeiro colocado no Sistema de Seleção Unificada – Sisu, para a USP de Bauru, no interior de São Paulo.

E você, tem algum método de estudo diferente do tradicional? Nos conte aqui nos comentários e aproveite para compartilhar com aquele amigo que faz Enem este ano.

Conheça a teoria sobre os Buracos Brancos, o oposto dos buracos negros

Matéria anterior

Imagens mostram bunker encontrado por família no quintal de casa na Inglaterra

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Você também pode gostar