Curiosidades

iFood inova e antecipa compensação de CO2 das operações de delivery

0

Atualmente, existe um aplicativo praticamente para cada necessidade, e isso tem seu lado positivo e negativo. Por mais que seja uma forma prática de comprar ou contratar um serviço, eles também colocam mais veículos na rua para atender a essa demanda, o que por sua vez aumenta as emissões de CO2. Por isso que ficar atento às necessidades ambientais é muito importante hoje em dia. Essa é uma das frentes do programa iFood Regenera.

Nesse ponto, além da diminuição dos resíduos plásticos, o iFood tem feito algumas outras ações para conseguir minimizar os impactos com relação ao agravamento do efeito estufa.

Por exemplo, desde julho de 2021, a empresa se tornou neutra na emissão de CO2 dentro das operações de delivery. Isso quer dizer que quando o pedido chega até o cliente, o gás que é emitido nesse trajeto já foi compensado.

Compensação

Twitter

Geralmente, a maioria das empresas faz um processo ao contrário. Elas esperam o balanço anual estar fechado para ver o quanto precisam compensar no ano seguinte. Entretanto, o iFood teve um pensamento no futuro e desenvolveu um inventário que calcula as emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) de maneira antecipada. Com isso, a empresa consegue estimar, com uma precisão maior, quanto de CO2 é emitido em cada entrega antes mesmo do pedido ser feito.

Então, para que a emissão de gás carbônico seja neutralizada, o iFood atua em três frentes. São elas a compra de créditos de carbono, o plantio de mudas de árvore para reflorestamento e o incentivo de modais limpos, como bicicleta convencional e elétrica, moto elétrica, patinete, drone e robô.

Com essa iniciativa, o objetivo da empresa é que até 2025, 50% dos pedidos sejam entregues em modais não poluentes.

“Estamos promovendo soluções transformadoras que revertam os impactos socioambientais típicos de uma operação de delivery. Queremos devolver para o meio ambiente mais do que consumimos dele”, disse Gustavo Vitti, vice-presidente de Pessoas e Soluções Sustentáveis do iFood.

Projetos

Eco words

A compensação de CO2 parece ser uma preocupação real da empresa. Tanto que, ano passado, as compras de crédito de carbono para neutralizar as entregas de delivery foram direcionadas para projetos de preservação da Amazônia. Nesse ano, o iFood investiu em projetos de incentivo à energia renovável.

O iFood também tem o objetivo de envolver e conscientizar as pessoas que usam o serviço. Por isso, a empresa mostra dentro do aplicativo as ações que compõe essa frente. Isso é visto no momento que o consumidor faz o pedido e o app o informa que aquela entrega já foi compensada.

Além de saber se as emissões de CO2 da entrega já foram compensadas, o consumidor também pode saber se o entregador está usando modais limpos e até mesmo se o estabelecimento tem boas práticas em relação ao meio ambiente através do selo de sustentabilidade.

O consumidor também pode doar qualquer valor que será direcionado às ações de plantio de mudas na Mata Atlântica. “Essas ações garantem que o mundo tenha mais florestas e áreas verdes no futuro e, com isso, possamos conter o avanço das mudanças climáticas”, pontuou Alexandre Lima, gerente de Sustentabilidade do iFood.

Meio ambiente

Metrópoles

Nesse ponto, a empresa tem investido em ações de regeneração e restauração florestal. Por exemplo, em março desse ano, o iFood começou a plantação de 30 mil mudas de árvores na área do Instituto Raquel Machado, em Porto Feliz, interior de São Paulo. Esse local é o habitat de animais silvestres vítimas de tráfico e maus tratos.

“Dessa forma, vamos auxiliar na recuperação da mata das margens dos rios para, assim, melhorar a condição do ciclo hídrico da região”, explicou André Borges, head de Sustentabilidade do iFood.

Plantando 50 mil mudas nativas da Mata Atlântica, o iFood terá um recurso capaz de retirar até 8.300 toneladas de CO2 da atmosfera em 20 anos. Isso é o equivalente a 28 milhões de entregas de delivery.

Fonte: Metrópoles

Imagens: Twitter, Eco words, Metrópoles

ONG distribui agasalhos para animais de rua no interior de SP

Matéria anterior

A vida das pessoas com diferenças e desfigurações visíveis

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos