Curiosidades

Maior cidade subterrânea do mundo é descoberta na Turquia

0

O mundo está cheio de cidades e paisagens famosas, que são reconhecidas por praticamente qualquer pessoa. São lugares marcados por suas histórias ou monumentos, que são reconhecidos por praticamente todo mundo. Mas existem cidades que não conhecemos, ou por não serem turísticas, ou por serem de outra época, e que podem ser tão interessantes quanto as mais famosas, como essa cidade subterrânea.

Os arqueólogos tinham dado como encerrado trabalhos que foram começados dois anos atrás, até que, por acaso, eles fizeram uma descoberta incrível. Isso aconteceu enquanto eles estavam andando pelas construções e estradas no distrito de Midyat. Logo, acabaram descobrindo uma cidade subterrânea construída há quase 1,9 mil anos, no Sudeste da província de Mardin.

De acordo com os especialistas, inicialmente, o projeto era fazer a limpeza e conservação das ruas e casas histórias do local. Mas no caminho eles encontraram uma entrada para uma caverna que parecia ser uma passagem para outro lugar.

Cidade

Metrópoles

Depois de verem essa entrada, eles decidiram fazer a escavação. Como resultado, os arqueólogos desenterraram a cidade e encontraram estruturas espetaculares, como por exemplo, locais de culto, dormitórios, silos, poços de água e ruas que ligam os vários compartimentos.

Além disso, também foram encontrados vários objetos arqueológicos datados dos séculos II e III da era de Cristo. Segundo o jornal turco Daily Sabah, ainda não existem estudos científicos que avaliem o significado dessa descoberta arqueológica.

Mesmo assim, a cidade já está sendo chamada de Matiate, o velho nome assírio da cidade de Midyat, que se ergueu à superfície onde a outra se estendia pelas profundezas da terra, no Sul da Turquia, perto da fronteira com a Síria.

Descoberta

Metrópoles

Segundo Gani Tarkan, diretor do museu da capital do distrito, a cidade deve ter sido usada sem interrupções por 1.900 anos. “Originariamente foi construída como esconderijo ou como local de refúgio. Calculamos que aqui tenham vivido em baixo da terra entre 60 mil e 70 mil pessoas pelo menos”, disse ele.

Os especialistas dizem que, provavelmente, a cidade era um esconderijo ou área de fuga de cristãos assírios. Isso porque, no século II, o cristianismo não era uma religião oficial. Por conta disso, as famílias e grupos que praticavam o cristianismo se refugiavam em cidades subterrâneas para escapar da perseguição de Roma ou formavam uma cidade subterrânea.

No caso de Midyat, o distrito que é conhecido por suas várias construções centenárias, tem uma história grande de povoamento por cristãos assírios, massacrados pelo império otomano, a partir de 1915. Depois disso, com a instauração da república turca, os cristãos assírios voltaram a morar na cidade.

Foi a partir de 1979 que os cristão tiveram uma migração massiva com a luta de libertação curda. Hoje em dia, grande parte da população de Midyat é constituída por refugiados da guerra na Síria.

Região

Organic articles

Além dessa cidade, a Turquia parece ser uma região propícia para descobertas desse tipo. Tanto que uma outra cidade subterrânea foi descoberta nas obras de restauração da Fortaleza Nevşehir, em 2012.

Essas obras incluíam a demolição inicial de aproximadamente 1.500 prédios antigos. Mas, em 2013, quando o trabalho realmente começou, várias galerias foram sendo descobertas, inclusive, os primeiros restos de uma cidade subterrânea. Ao todo, foram descobertas 75 hectares.

Esse achado tem um valor arqueológico tão grande, que as autoridades locais e nacionais nem ao menos pensaram no outro projeto. As obras de revitalização foram paralisadas e a área foi protegida.

A cidade subterrânea fica dentro de uma pequena colina e o interior é tão largo, que é possível entrar com um carro. Dentro delas, foram encontradas mais de sete quilômetros de galerias e, além disso, algumas igrejas escondidas. De acordo com Özcan Çakır, professor do Departamento de Engenharia Geofísica da Universidade, o mais provável é que esse túneis tenham sido usados para transportar, de uma forma rápida, os produtos agrícolas para cidades diferentes.

Na época já se especulava que essa não seria a única cidade subterrânea encontrada na região. Porém, o que fez esse achado ser tão importante foi o seu tamanho.

Fonte: Metrópoles, Organic articles

Imagens: Metrópoles, Organic articles

Mulher “acorda” em próprio enterro e bate 3 vezes no caixão

Matéria anterior

Homem pede namorada em casamento no McDonald’s

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos