Curiosidades

Marcelo VIP: o golpista que enganou famosos

0

Já que o assunto de golpistas está em alta desde o lançamento de séries e filmes como Inventando Anna e O Golpista do Tinder, vale a pena conhecer um nome que surpreendeu o Brasil: Marcelo VIP.

Marcelo Nascimento da Rocha, também conhecido como Marcelo VIP, ganhou destaque nos noticiários ao criticar o ator Wagner Moura durante uma entrevista ao podcast Inteligência Ltda. Assim, ele demonstrou estar revoltado depois da fala do ator em que disse que Marcelo “roubou a pensão das velhinhas”.

Marcelo VIP começou sua fala com “felizmente não tive esse prazer de conhecê-lo”. Dessa forma, em seguida, ele criticou a atuação de Wagner Moura, que, segundo o mesmo, “não retrata ninguém bem”. O ator de Narcos interpretou o Marcelo VIP em 2011, no filme VIP’s.

“Ele é um idiota. Tirou isso da cabeça dele, ou sei lá se alguém falou para ele. Não tenho [essa imputação criminosa] na minha ficha pregressa. Aí já me irritei com ele e ele fez mal meu papel”, contou.

Os golpes que Marcelo realizou envolveram famosos, mas só se tornaram conhecidos pelo público após uma entrevista realizada em 2001.

Quem é Marcelo VIP

Reprodução

O homem nasceu em Maringá, no Paraná, mas viveu parte da sua infância em Curitiba. Assim, em entrevista à revista Trip em 2011, ele conta que passou pela perda do pai ainda durante sua infância, aos oito anos. Segundo ele, esse teria sido o gatilho para sua vontade de viajar e conhecer o mundo.

O problema é que Marcelo não nasceu em família rica. Então, ele começou a empreender pequenos golpes na adolescência. Por exemplo, ele alegou ser parente dos donos das companhias rodoviárias, conseguindo viajar pelo Brasil sem pagar.

No entanto, nem sempre o plano dava certo. Isso porque, aos 16 anos, Marcelo passou a frequentar as delegacias da Polícia Civil do Paraná. Foi nesse momento que ele aprendeu ainda mais sobre o ofício.

Dessa forma, a reportagem aponta que Marcelo VIP já assumiu 16 identidades falsas. Entre elas, o golpista já se passou por policial, produtor do Domingão do Faustão, líder do PCC, repórter da MTV e olheiro da seleção brasileira de futebol.

Contudo, um dos golpes mais famosos de Marcelo VIP aconteceu nas décadas de 90 e 2000. Isso porque ele fingiu ser guitarrista da banda de sucesso Engenheiros do Hawaii, assim como um dos diretores da empresa de aviação Gol.

Além disso, Marcelo se passou por Henrique Constantino, filho do dono da empresa, durante um evento em Recife. O homem até sustentou o personagem em entrevista a Amaury Jr. em 2001.

“Quando descobri a farsa, fiquei chateado. Mas ele não enganou só a mim, enganou todos. Depois fiquei fascinado pelos personagens que ele encarnou. Foi ‘tragicômio’, mas não podemos glamorizar o que ele fez”, disse o então apresentador da Record TV em entrevista ao jornal Extra.

De acordo com o relato, Marcelo VIP fez amizade com Ricardo Macchi no evento em Recife. Logo, isso permitiu que fosse apresentado aos outros famosos presentes no local.

Preso pela Polícia Federal

Durante entrevista ao Inteligência Ltda, Marcelo VIP relembra o momento em que a Polícia Federal do Rio de Janeiro o deteve. Na ocasião, o homem foi detido logo depois do evento em Recife, em 2001.

Segundo seus relatos, Marcelo estava acompanhado pelo ator Marcos Frota e pela atriz Carolina Dieckmann. Sendo assim, ambos ficaram chocados com sua prisão. Ele havia alugado um jato particular para impressionar os famosos, o que acabou chamando a atenção dos policiais.

Dessa forma, Marcelo VIP cumpriu pena por estelionato, mas recebeu permissão para responder aos crimes em regime semiaberto em 2014. Atualmente, em entrevista ao Pânico, da Jovem Pan, o homem afirmou dar palestras sobre técnica de persuasão e defesa contra golpes.

Fonte: UOL

Conheça produções sobre golpistas disponíveis agora

Matéria anterior

Cientistas encontram fóssil de baleia de 36 milhões de anos no Peru

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos