Reutilizar sua garrafinha de água pode estar te deixando doente sem você perceber

POR Fabiana Souza    EM Ciência e Tecnologia      08/10/15 às 15h29

Já faz algum tempo que a preocupação com o ambiente vem batendo na porta de cada um. Com o passar do tempo o ser humano finalmente passou a compreender que ninguém além de nós somos responsáveis pela preservação e cuidado do nosso planeta e que seja lá qual for a atitude que você tome em relação a isso, um dia ela volta para você.

Ou seja, se recolher o lixo do chão e jogá-lo em seu lugar adequado, o resultado disso será encontrar ambientes mais limpos, porém, se você deixa lixo na praia, por exemplo, em determinado momento você vai esbarrar com ele.

Um dos fatores principais para essa preocupação com a poluição e degradação do ambiente em que vivemos é o plástico, a substância leva de 100 à 400 anos para se decompor. O que além de prejudicar o meio ambiente, prejudica também a nossa saúde e a dos animais.

beber-agua-em-garrafa-prejudica-os-dentes-veja-curiosidades1396785330

Ou seja, partindo desse pensamento, a primeira coisa que nos vem a cabeça quando utilizamos uma garrafa é: Reutiliza-la e reabastecê-la de algum outro líquido, assim todos ganham. Certo? Primeiramente, se você pensa assim, parabéns. Significa que não estamos tão perdidos quanto parece, porém há um pequeno problema nessa prática. A garrafinha de plástico com água que você compra por aí não é própria para ser reutilizada e até mesmo seus fabricantes recomendam o descarte após o uso.

Como sempre, um dos nossos grandes problemas ao reutilizar essas garrafas é a contaminação bacteriana. Isso porque o local é perfeito para as bactérias procriarem, pois as garrafas são um ambiente úmido e fechado, com contato com as mãos e a boca. Um estudo descobriu que o nível de coliformes fecais (bactérias provenientes das fezes) encontrados em garrafinhas de alunos que as usavam frequentemente foi acima dos recomendados para uma boa saúde.

Opções

Tente passar a utilizar garrafas de vidro ou de aço inoxidável em suas reutilizações, pois, além de ajudar o meio ambiente diminuindo o consumo de garrafas plásticas, você também estará garantindo a sua saúde.

Caso você realmente queira uma garrafa de plástico, é recomendável a utilização das de polipropileno, que possuem uma aparência branca. Um cuidado necessário com todos os tipos de garrafas é o fato de mantê-las limpas a fim de minimizar a contaminação bacteriana, lavá-las e permitir que elas sequem antes de seu reuso.

Conheça mais 3 práticas que realizamos e que estão acabando com a nossa saúde:

3 - Escovar os dentes imediatamente após comer

tumblr_mkt2o6yerY1r97slyo1_500

Grande parte das pessoas mantém o hábito de comer e em seguida escovar os dentes. Essa prática, que parece proteger a saúde bucal, na verdade pode prejudicá-la.

Isso ocorre porque, quando comemos ou bebemos coisas ácidas, o esmalte dos dentes fica fraco por algum tempo. Desta forma, quando escovamos os dentes imediatamente depois de comer, podemos acabar perdendo esse esmalte. Os danos causados por esse tipo de ação são irreversíveis e podem trazer sérios problemas. Por isso é recomendado escovar os dentes uma hora após a refeição ou até mesmo mais tempo depois.

2 - Usar calças apertadas

1-superjusto

De acordo com especialistas na área, usar calças apertadas constantemente pode causar distúrbios no seu corpo. Isso porque no exterior de nossa coxa, existe um nervo que liga a parte do corpo à coluna. Esse nervo, em situações de aperto pode acabar sofrendo danos que causam muita dor, incomodo e sensação de queimação. A situação fica ainda pior quando as calças apertadas são acompanhadas de salto alto.

Se o problema não for corrigido no início, danos permanentes podem ser causados ao nervo. Neste caso, é necessário uma cirurgia de despressurização no local, ou, em último caso, a remoção completa do nervo.

1 - Ingerir suplementos nutricionais em altas quantidades

receitasmaterias_suplementosnutricionais

As pessoas costumam tomar suplementos nutricionais sem saber se realmente precisam deles. Como muitos alimentos são enriquecidos nos dias atuais, muitas pessoas não têm nenhuma deficiência nutricional. Por causa disso, suplementos nutricionais tomados sem necessidade podem acarretar vários efeitos colaterais. A vitamina C, por exemplo, em grandes quantidades causa problemas gastrointestinais já a vitamina B6, pode provocar danos nos nervos.

Fonte: Ecycle

Fabiana Souza
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+