Curiosidades

10 bandeiras do Brasil que já existiram

0

Nós somos o maior país da América do Sul e da região da América Latina. Anteriormente fomos colônia de Portugal, até que Dom Pedro 1º declarou a independência. O fato é comemorado hoje, no feriado de 07 de setembro. É o Dia da Independência. Nessa data comemoramos a Declaração de Independência do Brasil do Império Português, em 1822.

Em suma, nosso país celebra a data em várias cidades com desfiles patrióticos. O mais famoso de todos acontece em Brasília, na Esplanada dos Ministérios, com a presença do presidente da República.

Dentre as várias coisas pelas quais se reconhece um país, sua bandeira é uma, se não a principal. O que muita gente não sabe é que a bandeira que conhecemos hoje não foi sempre a que representou nosso país.

Se usa a bandeira atual desde 1889. Mas ela foi modificada várias vezes até chegar nessa versão “final”. Mostramos aqui algumas bandeiras que o Brasil já teve.

1 – Bandeira da Ordem de Cristo (1319)

Bandeira1, Fatos Desconhecidos

Essa foi a primeira bandeira a ser hasteada em solo brasileiro, ainda na época do descobrimento. A cruz vermelha ao centro representava a Ordem de Cristo e estava estampada nos navios trazidos por Pedro Álvares Cabral.

2 – Bandeira Real (1500)

Bandeira2, Fatos Desconhecidos

Ainda sob influência dos portugueses, a segunda bandeira a ser usada, como símbolo do Brasil, representava o Primeiro Reino de Portugal. Assim como a primeira, essa também estampa uma cruz ao centro, porém, agora com o escudo de Portugal centralizado.

3 – Bandeira de João III de Portugal (1521)

Bandeira3, Fatos Desconhecidos

Dom João III criou a terceira bandeira do Brasil. Ele foi o responsável pelo sistema de Capitanias Hereditárias por aqui durante o seu reinado.

4 – Bandeira Real do Século XVII (1600)

Bandeira4, Fatos Desconhecidos

Essa bandeira foi o símbolo oficial do Reino e foi hasteada em todas as terras que os portugueses conquistaram até a metade do século XVII. O design é uma união entre o brasão de Portugal, com a coroa real e a cruz que representa a Ordem de Cristo.

5 – Bandeira do Domínio Espanhol (1616)

Bandeira5, Fatos Desconhecidos

O nome não poderia ser mais explicativo do que isso. Felipe II, da Espanha, criou essa bandeira. Se usou durante o período em que Portugal foi dominado pela Espanha.

6 – Bandeira da Restauração (1640)

Bandeira6, Fatos Desconhecidos

Se criou a bandeira logo após o fim do domínio espanhol, e instituída por Dom João IV. Ele fez questão de remover os ramos de folhas da versão anterior e modificar o formato da coroa real. Nessa versão, a coroa fazia referência à Nossa Senhora da Conceição, padroeira de Portugal.

7 – Bandeira do Principado do Brasil (1645)

Bandeira7, Fatos Desconhecidos

Em comparação com todas as bandeiras anteriores, essa foi a primeira a representar o Brasil de verdade. Foi instituída por Dom João IV, na época em que o Brasil estava sendo elevado ao título de Principado.

8 – Bandeira de Dom Pedro II de Portugal (1683)

Bandeira8, Fatos Desconhecidos

Foi criada durante o reinado de Dom Pedro II. E ela foi a primeira bandeira brasileira a ter a cor verde, que seria usada futuramente na Bandeira Nacional.

9 – Bandeira do Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves (1816)

Bandeira9, Fatos Desconhecidos

A bandeira foi levantada durante o reinado de Dom João VI, quando Brasil e Portugal foram transformados em Reino Unido. Foi símbolo de momentos importantes da história, como a Revolução Pernambucana de 1817.

10 – Bandeira do Regime Constitucional (1821)

Bandeira10, Fatos Desconhecidos

Instituída logo após a implantação do Regime Constitucional, essa bandeira ficou conhecida por ser a última a apresentar traços específicos de Portugal.

Fonte: https://recreio.uol.com.br/viva-a-historia/conheca-as-bandeiras-que-o-brasil-ja-teve.phtml

Como o olfato pode estar nos levando para um dieta mais equilibrada?

Matéria anterior

Quando a alimentação saudável pode acabar virando um problema?

Próxima matéria

Você também pode gostar

Mais em Curiosidades

Comentários

Comentários não são permitidos