• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


10 maiores segredos da Primeira Guerra Mundial

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      04/06/19 às 17h29

O mundo já enfrentou diversos momentos difíceis e em demasia brutais. Já tivemos que lidar com desastres naturais devastadores, com doenças que logo se espalharam e resultaram em muitos mortos e, é claro, guerras que deixaram milhões de mortos. Algumas guerras se mantiveram sob segredo, quase não foram divulgadas, enquanto outras, como a Primeira e Segunda Guerra Mundial, ganharam páginas e mais páginas em livros de história do mundo inteiro. Uma coisa que poucos sabem é que esses eventos foram passados de forma um tanto quanto superficial, ou seja, existem diversos segredos por trás. Coisas nunca reveladas nos livros escolares, por exemplo.

Essa guerra finalizou deixando milhões de pessoas mortas. Enquanto a Alemanha e seus aliados não pararam de lutar, não houve a paz total. A guerra foi responsável pela destruição de velhos costumes europeus e impérios do passado, que foram desmoronados. É muito didático estudar um pouco mais a fundo tudo que aconteceu nos confrontos dessa guerra. A que está entre as mais sanguinárias da história, esconde muitos segredos.

Foi pensando sobre isso que nós resolvemos trazer essa matéria. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou para você, caro leitor, alguns segredos da Primeira Guerra Mundial. Se você já leu muito a respeito e sabe de algum que não listamos aqui, manda pra gente nos comentários aí embaixo. Aproveite para compartilhar com seus amigos desde já. Sem mais delongas, confira conosco a seguir e surpreenda-se.

Segredos da Primeira Guerra Mundial

1 - Cinegrafistas de todo o mundo, durante quatro anos, arriscaram a vida em busca de imagens da guerra. Essas imagens hoje em dia contam com cores e sons graças às edições feitas recentemente.

2 - Francisco Ferdinando, herdeiro da coroa austro-húngara, escapou de uma tentativa de assassinato. Isso aconteceu no dia 28 de junho de 1914, e ele estava ao lado de sua esposa. O casal parou na prefeitura para protestar com veemência.

3 - Não durou muito, pois ao sair do prédio, o casal foi morto. O assassino de Ferdinando era um nacionalista bósnio de 19 anos, chamado Gravilo Princip. Ele atirou com uma pistola que ganhou dos sérvios.

4 - Mais de 400 mil soldados americanos voltaram do conflito com algum tipo de infecção sexualmente transmissível. Isso aconteceu porque o Exército americano foi o único das Forças Aliadas a não distribuir camisinhas aos soldados.

5 - Os cães agiam como mensageiros dos exércitos. Os soldados colocavam mensagens dentro de cápsulas e essas eram presas nos corpos dos cachorros. As mensagens viajavam até as linhas de frente das batalhas.

6 - Algumas palavras tiveram que ser trocadas durante a guerra. O Pastor Alemão, por exemplo, ficou conhecido como "alsaciano" na época.

7 - Houve diversas lutas em trincheiras. Soldados lutaram nesses lugares em uma grande parte da guerra.

8 - Ficou muito tempo sendo chamada por outro nome, antes de "Guerra Mundial". Foi chamada de Guerra Europeia e até Grande Guerra.

9 - As explosões de minas, durante o início da ofensiva de Somme, na França, eram extremamente violentas. Algumas vezes essas podiam ser ouvidas de Londres, na Inglaterra, a mais de 220 quilômetros de distância.

10 - O Rei da Bélgica, Alberto I, liderou pessoalmente o exército de seu país durante a Guerra. Enquanto isso, a Rainha, Isabel Baviera, atuava como enfermeira.

E aí, o que você achou dessa lista? Sabia sobre todas essas coisas? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Diogo Quiareli
Geminiano, 24 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+