Curiosidades

É mais rápido ficar parado ou caminhar na escada rolante?

0

Vivemos tempos loucos, onde o tempo é pouco e vale muito, então, estamos sempre correndo, para chegar em algum lugar. E não é apenas no trânsito que estamos sempre correndo. Afinal, quando estamos andando, também estamos sempre apressando passo. Então, no fim das contas, estamos sempre procurando formas, de tentar andar mais rápido e perder menos tempo no trajeto.

Imagine a seguinte situação: você está em um shopping, por exemplo, e está com muita pressa, e vai usar a escada rolante. Você fica parado ou prefere ir caminhando com ela? Não que seja uma lei imposta, mas todo mundo sabe que o lado da direita é reservado para ficar parado, ou para “pessoas lentas”. E assim, o lado esquerdo é deixado para os mais apressadinhos, que preferem subir caminhando. Mas afinal, será que caminhar na escada rolante, é mesmo mais rápido? Até pode ser mais rápido para você. Mas, no fim das contas, o tempo gasto, no geral, levando em consideração todas as outras pessoas que também querem chegar a algum lugar, acabam fazendo o tempo ser bem maior.

Mobilidade

Nas grandes cidades, é praticamente lei, deixar o lado esquerdo das escadas rolantes livres, para quem quiser subir andando. E todo mundo sabe disso. Inclusive, tem até recomendações explícitas para isso, em todos os lugares.

Porém, ocupar os dois lados da escada e ficar parado, é a maneira mais eficiente no escoamento de passageiros. Tanto para dentro, quanto para fora dos grandes aglomerados de pessoas. Pelo menos, é isso que apontam algumas pesquisas de mobilidade de pedestres, nos centros urbanos.

Um experimento, feito em 2016, no metrô de Londres, mostrou exatamente isso. O teste foi feito na estação Holborn, uma das que tem o maior fluxo de passageiros da cidade. Lá, as escadas rolantes ultrapassam os 23 metros de altura. Na ocasião, os pesquisadores pediram aos passageiros que ficassem parados, lado a lado nas escadas, durante o horário de maior fluxo, para estabelecer padrões. Eles chegaram à conclusão de que, em estações com mais de 18,5 metros de extensão, o lado, deixado sem uso, causa congestionamento e filas na base da escada. Ou seja, fazendo da mobilidade geral mais lenta, e não mais rápida como alguns acreditam.

Outro estudo anterior, realizado na mesma estação em 2015, mostrou que ficar parado, em ambos os lados da escada, reduz o congestionamento em cerca de 30%. Ou seja, ficar parado nesse caso, é a melhor opção, para que todo mundo chegue mais rápido ao seu destino.

Caminhar na escada rolante

Na verdade, além de atrapalhar a mobilidade geral, caminhar na escada rolante também envolvem uma série de riscos de acidentes. E isso vale para você e também para as outras pessoas que estivem atrás. Sem contar que elas não foram feitas para isso. Afinal, as escadas rolantes se movem por um motivo, e esse motivo é nos poupar de subi-las. Então, caminhar sobre elas não é o ideal.

Mas de fato, é mais rápido. Calculando a forma mais eficiente de subir as escadas, a consultoria do metrô de Londres descobriu que subir a escada andando, levava 26 segundos, enquanto ficar parado, levava 40 segundos. Mas, o tempo total, necessário para subir a escada e chegar ao fim dela, diminuía muito, quando todos ficavam parados ao usar a escada rolante. No fim das contas, tudo isso ainda “desperdiça” espaço e torna o escoamento total de pessoas muito mais lento. Embora algumas pessoas consigam subir mais rápido.

5 cidades para viver bem após se aposentar

Matéria anterior

Foto de Falcão e o Soldado Invernal sugere referência aos X-Men

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.